Militantes protestam em frente à embaixada da China em Brasilia

"Condenamos as ofensas e provocações por parte duma minoria de pessoas", disse a embaixada do país asiático

Caio Junqueira
Por Caio Junqueira, CNN  
24 de maio de 2020 às 15:22 | Atualizado 24 de maio de 2020 às 16:18

MIlitantes alinhados ao presidente Jair Bolsonaro foram na tarde deste domingo (24) em frente à Embaixada da China, em Brasília, onde estenderam faixas com xingamentos ao presidente do pais, Xi Jinping. Também proferiram xingamentos contra o pais, que é o principal parceiro comercial do Brasil.

A Policia Militar do Distrito Federal foi chamada e tentou convencer, sem sucesso, os manifestantes a deixarem o local.

Não é a primeira vez que isso ocorre. 

Em nota à CNN, a embaixada da China se manifestou. "Condenamos as ofensas e provocações por parte duma minoria de pessoas que se comportam de forma totalmente irresponsável e repugnável. Ao mesmo tempo, estamos certos de tais atitudes e posturas não representam o povo brasileiro, tampouco abalam a amizade entre os povos chinês e brasileiro". Procurado, o Itamaraty ainda não se manifestou.