Flávio Bolsonaro pede ao MPF para depor no Senado sobre vazamento de operação

Ele estará na companhia da advogada Luciana Pires; um procurador da República do Ministério Público Federal vai colher o depoimento

Basília Rodrigues
Por Basília Rodrigues, CNN  
20 de julho de 2020 às 10:34 | Atualizado 20 de julho de 2020 às 12:31

O senador Flávio Bolsonaro pediu para prestar depoimento ao Ministério Público Federal (MPF) no gabinete dele no Senado, nesta tarde, sobre suposto vazamento da operação Furna da Onça, da Polícia Federal, que mirou a Assembleia Legislativa, do Rio de Janeiro, e acabou chegando a um esquema de rachadinha.

Ele estará na companhia da advogada Luciana Pires.Um procurador da República do Ministério Público Federal vai colher o depoimento.

Leia mais:
Ao STF, defesa de Flávio Bolsonaro diz que senador "nunca perdeu" foro especial
TRF decide que ex-advogado de Flávio Bolsonaro não deponha sobre vazamento

O empresário Paulo Marinho, o denunciante, é suplente do senador.

Flávio, a exemplo de seus colegas, tem ido bem menos ao Senado por causa da pandemia. O senador tem nas investigações um fator a mais para ficar distante de holofotes. 

Interlocutores descrevem um senador tranquilo e que considera vazia a denúncia de vazamento na PF.