PSL rejeita coligação com Russomanno e registra candidatura de Joice em SP


Estadão Conteúdo
15 de setembro de 2020 às 12:33 | Atualizado 15 de setembro de 2020 às 12:33

O deputado Celso Russomanno, pré-candidato do Republicanos à Prefeitura de São Paulo, procurou o PSL paulista para propor uma aliança com o partido e convidar a deputada Joice Hasselmann para ser sua vice na chapa. A tentativa, no entanto, foi frustrada. Segundo dirigentes do PSL paulista, que relataram a proposta, a candidatura lançada em 30 de agosto está mantida.

Ainda na segunda-feira (14) o deputado federal Junior Bozzella, presidente do PSL-SP e vice-presidente nacional da legenda, registrou formalmente o nome de Joice no Tribunal Regional Eleitoral (TRE), o que impossibilita qualquer intervenção do Diretório Nacional.

Leia e assista também

Ricardo Nunes, do MDB, será vice de Bruno Covas em SP

Sem coligação, PT lança Jilmar Tatto a prefeito de SP e adia escolha de vice

De olho em 2022, PDT de Ciro anuncia apoio a Márcio França em SP

PSOL confirma candidatura de Boulos à prefeitura de SP; Erundina será vice

O gesto de Russomanno contou com o respaldo da ala "bolsonarista" da siga, que tenta reaproximar o PSL do Palácio do Planalto — após desavenças, o presidente Jair Bolsonaro deixou o partido pelo qual se elegeu.

Apesar de estar bem posicionado nas mais recentes pesquisas de intenção de voto, Russomanno relutava em ser candidato. O deputado não fez pré-campanha e seu partido adiou a convenção para esta quarta-feira, 16, limite do prazo. Russomanno esteve com Bolsonaro e recebeu a sinalização que teria seu apoio na capital paulista. Procurado pela reportagem, o deputado não se manifestou.