Ibope no Rio: Paes amplia vantagem, com três candidatos empatados em segundo

Com margem de erro de três pontos, Marcelo Crivella (Republicanos), Martha Rocha (PDT) e Benedita da Silva (PT) disputam segunda posição

Guilherme Venaglia, da CNN, em São Paulo
15 de outubro de 2020 às 21:13 | Atualizado 15 de outubro de 2020 às 21:50

Pesquisa do instituto Ibope mostrou que Eduardo Paes (DEM) ampliou a vantagem sobre seus adversários na corrida eleitoral do Rio de Janeiro.

O ex-prefeito oscilou para cima, no limite da margem de erro de três pontos, de 27% para 30%, enquanto seus principais adversários se mantiveram estáticos em relação a última pesquisa do instituto, divulgada no dia 2 de outubro.

Em segundo lugar, em números totais, aparece o atual prefeito, Marcelo Crivella (Republicanos), com 12%. Como a margem de erro é de três pontos, Crivella tem entre 9% e 15%, o que o coloca em empate técnico com outras duas candidatas, Martha Rocha (PDT), com 8% (entre 5% e 11%); e Benedita da Silva (PT), com 7% (entre 4% e 10%).

Assista e leia também:

Quem são os candidatos a prefeito do Rio de Janeiro nas eleições de 2020?
Quem são os candidatos a prefeito de São Paulo nas eleições de 2020?
Ibope: Russomanno tem 25% das intenções de voto em SP e Covas, 22%

Na sequência, três candidatos oscilaram positivamente e estão numericamente empatados, com 3%. São eles os postulantes a prefeito Eduardo Bandeira de Mello (Rede), Renata Souza (PSOL) e Luiz Lima (PSL). Na última pesquisa, Bandeira e Renata tinham 2% e Luiz, 1%.

Intenção de voto

Eduardo Paes (DEM) - 30%
Marcelo Crivella (Republicanos) - 12%
Martha Rocha (PDT) - 8%
Benedita da Silva (PT) - 7%
Eduardo Bandeira de Mello (Rede) - 3%
Renata Souza (PSOL) - 3%
Luiz Lima (PSL) - 3%
Cyro Garcia (PSTU) - 2%
Clarissa Garotinho (Pros) - 1%
Fred Luz (Novo) - 1%
Paulo Messina (MDB) - 1%

Não pontuaram (menos de 1%): Glória Heloíza (PSC) e Henrique Simonard (PCO)
Não foi citada: Suêd Haidar (PMB)

Indecisos: 5%
Brancos e nulos: 23%

Rejeição

O Ibope identifica que Marcelo Crivella, do Republicanos, tem a maior rejeição entre os candidatos a prefeito, com 57% dos eleitores descartando a hipótese de votar nele. Na sequência entre os mais rejeitados, aparece Clarissa Garotinho (Pros), com 40%; Eduardo Paes (DEM), com 30% de rejeição; e Benedita da Silva (PT), com 29% de rejeição.

Marcelo Crivella (Republicanos) - 57%
Clarissa Garotinho (Pros) - 40%
Eduardo Paes (DEM) - 30%
Benedita da Silva (PT) - 29%
Cyro Garcia (PSTU) - 16%
Luiz Lima (PSL) - 10%
Martha Rocha (PDT) - 9%
Fred Luz (Novo) - 9%
Paulo Messina (MDB) - 9%
Glória Heloíza (PSC) - 8%
Renata Souza (PSOL) - 8%
Suêd Haidar (PMB) - 8%
Henrique Simonard (PCO) - 7%

A pesquisa

A pesquisa ouviu 1.001 eleitores entre os dias 13 e 15 de outubro. A margem de erro é de três pontos, para mais ou para menos, e o nível de confiança é de 95%.

O levantamento foi realizado pelo Ibope e contratado pela Globo Comunicação e Participações. A pesquisa foi registrada no TSE sob a identificação RJ-09221/2020