Bruno Reis (DEM) é eleito prefeito de Salvador no primeiro turno

Apoiado por ACM Neto, atual vice-prefeito dá continuidade ao mandato do DEM na capital baiana

Lorena Lara, da CNN, em São Paulo
15 de novembro de 2020 às 22:39 | Atualizado 15 de novembro de 2020 às 23:52

Atual vice-prefeito de Salvador, Bruno Reis (DEM) foi eleito em primeiro turno prefeito da capital baiana neste domingo (15) com 64,2% dos votos válidos. A vice de Reis a partir de janeiro de 2021 será Ana Paula Matos (PDT).

Com o apoio do atual prefeito, ACM Neto (DEM), Reis concorreu com outros oito candidatos: Celso Cotrim (Pros), Cezar Leite (PRTB), Hilton Coelho (PSOL), João Carlos Bacelar (Podemos), Major Denice (PT), Olívia Santana (PCdoB), Pastor Sargento Isidório (Avante) e Rodrigo Pereira (PCO).

Veja também:
Acompanhe a apuração dos resultados das eleições 2020.

Antes de assumir o mandato como vice de ACM Neto em Salvador em 2017, Reis foi secretário de Promoção Social, Esporte e Combate à Pobreza em Salvador, de 2015 a 2016.

Em segundo lugar nas eleições ficou a Major Denice (PT), com 18,86% dos votos. Logo depois vieram o Pastor Sargento Isidório (AVANTE), com 5,33%, Cezar Leite (PRTB), com 4,65% e Olívia (PC do B), com 4,49%. 

Bruno Reis (DEM) foi eleito prefeito de Salvador em 2020

Foto: CNN Brasil

Ainda, foi deputado estadual da Bahia por dois mandatos. Aos 43 anos, o político passou por outros três partidos antes de chegar ao DEM: PHS, PRP e MDB. 

A coligação de Reis, chamada Salvador Não Pode Parar, reuniu 13 partidos: DEM, PDT, Republicanos, MDB, Solidariedade, Cidadania, PL, PSL, PSC, Patriota, PSDB, PV, DC, PMN e PTB.