Ministros do TSE lamentam condução da crise pós-eleição

Clima pesou também no STF após Barroso citar Rosa Weber

Da CNN, em São Paulo
17 de novembro de 2020 às 16:52

 

Ministros do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) lamentam a condução da crise que sucedeu o atraso na apuração dos dados das eleições municipais. A informação é da âncora da CNN, Daniela Lima.

Eles estão estranhando o fato de Luís Roberto Barroso ter falado muitas vezes e, nessas falas, ter dado diferentes explicações para o que aconteceu. Isso só ampliou a insegurança e a falação em torno do pleito.

Assista e leia também:

'Ataque massivo' ao TSE veio do Brasil, EUA e Nova Zelândia, afirma corte

Mesmo com aumento de abstenção, Barroso agradece eleitores por taxa menor de 25%

O clima pesou também no Supremo Tribunal Federal (STF) depois que Barroso citou sua antecessora no comando do TSE, a ministra Rosa Weber, como responsável pela mudança no sistema de totalização dos votos.

(Publicado por Sinara Peixoto)