Garcia: Novo ministro fez trabalho extraordinário, mas só falam que toca sanfona

No quadro Liberdade de Opinião desta quinta-feira (10), o jornalista comenta a troca no ministério do Turismo com a entrada de Gilson Machado

Da CNN, em São Paulo
10 de dezembro de 2020 às 11:32


No quadro Liberdade de Opinião desta quinta-feira (10), o jornalista Alexandre Garcia comenta a troca no ministério do Turismo, com a demissão de Marcelo Álvaro Antônio e a escolha de Gilson Machado pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

"Gilson Machado fez um trabalho extraordinário na Embratur e só falam que ele toca sanfona. As agências de turismo fechadas, as companhias aéreas não voavam, os hotéis estavam fechados, ele ajudou a ressuscitar o turismo no país. E mais, o turismo do brasileiro que ia para o exterior agora está sendo investido no turismo interno", aponta.

Leia também
Bolsonaro decide demitir ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio
Diário Oficial: Álvaro Antônio é exonerado; Gilson Machado assume Turismo
Exonerado do Turismo, Marcelo Álvaro agradece ‘amigo e irmão’ Bolsonaro

Ele comentou também a atitude do antigo ocupante do cargo. "Marcelo Álvaro Antônio tem liberdade e intimidade para dizer ao presidente tudo o que disse no WhatsApp, mas escreveu e tornou público, ai não deu para sustentar. Roupa suja se lava em casa. Foi lavada em público, o ministro perdeu o cargo".

O Liberdade de Opinião tem a participação de Sidney Rezende e Alexandre Garcia. O quadro vai ao ar diariamente na CNN

Alexandre Garcia no quadro Liberdade de Opinião (10.dez.2020)
Foto: Reprodução/CNN

(Publicado por: André Rigue)