Internado desde outubro por Covid-19, Maguito Vilela tem sangramento pulmonar

Prefeito eleito de Goiânia, Maguito Vilela deu entrada no Hospital Albert Einstein em 27 de outubro para tratamento da Covid-19

Por Diego Freire, da CNN, em São Paulo
10 de dezembro de 2020 às 23:50 | Atualizado 11 de dezembro de 2020 às 14:14

 

Internado desde 27 de outubro em São Paulo para tratar complicações da Covid-19, o prefeito eleito de Goiânia, Maguito Vilela (MDB), apresenta um quadro de sangramento pulmonar. A informação foi divulgada nesta quinta-feira (10) pela equipe do Hospital Israelita Albert Einstein.

Leia também:
Mariana Ferrer: Câmara aprova projeto que criminaliza violência institucional

Maguito Vilela está internado no Hospital Israelita Albert Einstein desde 27 de outubro
Foto: Reprodução / Maguito Vilela via Instagram


"Hoje, 10/12, (Vilela) apresentou nova instabilidade hemodinâmica sendo constatado sangramento pulmonar e encaminhado para angiotomografia e serviço de hemodinâmica", diz o boletim.

No final de novembro, a assessoria do político informou que seu quadro de saúde havia melhorado e, em 2 de dezembro, foi divulgado que ele testou negativo para o novo coronavírus.

Mesmo intubado durante o período final da campanha, Vilela foi eleito prefeito de Goiânia em segundo turno, no último dia 29.

Segundo a assessoria do político informou à CNN, logo após a eleição ele chegou a despertar. Os médicos interagiram e informaram para ele que havia sido eleito prefeito da capital goiana. "Uma lágrima escorreu, balançou a cabeça e logo depois apagou de novo", informaram.