Caio Coppolla: Extinção da Lava Jato é retrocesso no combate à corrupção

Ministério Público Federal (MPF) anunciou o fim da força-tarefa no Paraná

Da CNN, em São Paulo
04 de fevereiro de 2021 às 15:23

No quadro Liberdade de Opinião, do Visão CNN desta quinta-feira (4), o comentarista Caio Coppolla avalia o fim da força-tarefa da Lava Jato no Paraná. A equipe passa nesta semana a integrar o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do MPF. 

“A extinção da Lava Jato é simbolicamente o maior retrocesso no combate à corrupção no Brasil. O fim da força-tarefa marca a coroação da impunidade: é uma vitória da elite criminosa do país sobre a Justiça”, diz.

 

“Ontem, algo precioso morreu, e a coragem, a retidão e o idealismo perderam uma batalha na eterna luta do bem contra o mal. Nós, brasileiros, somos vítimas, não apenas da corrupção, praticada pelas elites, e da impunidade, reservada aos poderosos, nós também somos vítimas da desinformação promovida por um jornalismo cada vez mais militante e menos comprometido com a realidade dos fatos.”

O Liberdade de Opinião tem a participação de Caio Coppolla e Rita Lisauskas. O quadro vai ao ar diariamente na CNN.

Caio Coppolla no quadro Liberdade de Opinião
Caio Coppolla no quadro Liberdade de Opinião
Foto: CNN (04.fev.2021)

As opiniões expressas nesta publicação não refletem, necessariamente, o posicionamento da CNN ou seus funcionários.

(Publicado por Leonardo Lellis)