Em meio à pressão para demitir Ernesto, Bolsonaro encontra Lira fora da agenda

Presidente teria pedido ajuda para construir uma ‘saída honrosa’ ao seu chanceler

Por Igor Gadelha, CNN  
29 de março de 2021 às 11:16 | Atualizado 29 de março de 2021 às 12:05

 O presidente Jair Bolsonaro tomou café da manhã nesta segunda-feira (29), no Palácio da Alvorada, com o presidente da Câmara do Deputados, Arthur Lira (PP-AL).

O encontro, que não havia sido registrado na agenda oficial até o final da manhã, aconteceu em meio ao aumento da pressão do Congresso pela demissão do chanceler Ernesto Araújo.

Segundo apurou a CNN com fontes do Planalto e da Câmara, Lira reforçou as críticas ao Ernesto. Bolsonaro, por sua vez, teria pedido ajuda para construir uma “saída honrosa” ao seu chanceler.

Em atrito direto com o ministro, senadores já anunciaram que pretendem barrar qualquer indicação do chanceler, que é diplomata de carreira, para um novo cargo diplomático.

Jair Bolsonaro e Arthur Lira
Foto: Marcos Corrêa/PR (3.fev.2021)

Como a CNN noticiou mais cedo, senadores prometem protocolar na Câmara, ainda nesta segunda-feira, um pedido de impeachment do ministro das Relações Exteriores.

Bolsonaro e Lira também teriam tratado sobre questões relacionadas à vacinação e sobre o cenário político em Alagoas, reduto eleitoral do deputado. Procurado oficialmente, Lira não respondeu.