Amazonas registra morte pelo novo coronavírus


Da CNN, em São Paulo e Manaus
24 de março de 2020 às 23:33 | Atualizado 25 de março de 2020 às 02:02
Tubo de teste para coronavírus com exame positivo

Tubo de exame para o novo coronavírus

Foto: Dado Ruvic - 19.jan.2020/ Reuters

O Amazonas registrou nesta terça-feira (24) a primeira morte no Brasil pelo novo coronavírus (COVID-19) fora dos estados de São Paulo e Rio de Janeiro, informou o governo local.

O óbito no Amazonas ainda não entrou na contagem do Ministério da Saúde, que divulga números diariamente no fim da tarde. Segundo o governo federal, o vírus já deixou 46 mortos no país, sendo 40 em São Paulo e seis no Rio. Mais tarde, já na madrugada de quarta-feira, o prefeito de Porto Alegre anunciou também um óbito pela doença no Rio Grande do Sul

Segundo nota oficial, a vítima foi um homem de 49 anos de idade oriundo da cidade de Parintins e que estava internado em Manaus. Ele estava internado no hospital Delphina Aziz, na capital do estado, desde sábado (21). O paciente era hipertenso e, durante a internação, sofreu duas paradas cardiorrespiratórias.

Até o começo da tarde de hoje, o Amazonas tinha 47 casos confirmados do novo coronavírus, sendo o estado da região Norte com mais ocorrências. 

O Norte, no entanto, é a região brasileira com menos casos confirmados até o momento: são 82, menos de 4% dos 2.201 em todo o país.