Alagoas confirma primeira morte pelo novo coronavírus no estado

Vítima tinha 63 anos e não havia viajado recentemente

Da CNN, em São Paulo
31 de março de 2020 às 15:28 | Atualizado 31 de março de 2020 às 15:30
Painel em Brasília alerta para o novo coronavírus
Foto: Ueslei Marcelino - 24.mar.2020/Reuters

O governador de Alagoas, Renan Filho (MDB), confirmou nesta terça-feira (31) a primeira morte por COVID-19 no estado. Segundo Renan Filho, a vítima é um acriano de 63 anos, sem histórico de viagem recente.

Ele estava internado na UTI de uma UPA (Unidade de Pronto Atendimento) em Maceió, respirando com ajuda de aparelhos.

De acordo com os dados mais recentes do Ministério da Saúde, atualizados na tarde desta segunda-feira (30), o Alagoas tinha 17 casos confirmados de infecção pelo novo coronavírus.

No dia 20 deste mês, o governo do estado decretou o fechamento de lojas, shoppings, bares e academias para conter o avanço da doença. O texto foi prorrogado neste domingo (29) e vale até 7 de abril. 

Em todo o país, foram registrados até segunda-feira 4.579 pacientes e 159 mortes pela COVID-19.