Hospital em São Paulo coloca profissionais de saúde para morar em hotel

Funcionários que moram a mais de 10 km do local de trabalho podem se hospedar gratuitamente; saiba como funciona

Da CNN, em São Paulo
19 de abril de 2020 às 23:41 | Atualizado 20 de abril de 2020 às 01:02

Profissionais de saúde do Hospital Albert Einstein, em São Paulo, estão morando temporariamente em um hotel por conta da pandemia do novo coronavírus. Quem vive a mais de 10 quilômetros do hospital tem direito a se hospedar lá gratuitamente. 

O local se adaptou para receber os novos hóspedes, que ocupam 180 dos 200 quartos disponíveis. Eles contam com armário para trocar de roupa antes de subir para os quartos, e a refeição é entregue de porta em porta em uma sacola, ao invés de ser servida no restaurante.

"Mudamos os procedimentos e o protocolo de limpeza, trabalhamos com produtos usados em limpeza de ambientes hospitalares", explica Eliana Ribeiro, gerente do hotel.

O Conselho Nacional de Saúde estima que 365 mil profissionais sejam afastado do SUS por conta do novo coronavírus. A produção da CNN fez um levantamento nos 26 estados e no Distrito Federal, e recebeu resposta de 13 secretarias de Saúde, que somadas, informaram o afastamento de 4.222 profissionais até agora.