Mundo passa de 900 mil mortos pela Covid-19, diz universidade

Até hoje, ao todo, quase 28 milhões de pessoas foram infectadas pelo novo coronavírus

André Rosa, da CNN, em São Paulo
09 de setembro de 2020 às 23:58
Representação gráfica do novo coronavírus, causador da doença Covid-19
Foto: Gerd Altmann/Pixabay

Nesta quarta-feira (9), o mundo superou a marca dos 900 mil mortos pela Covid-19, de acordo com a universidade americana Johns Hopkins.

Até hoje, ao todo, quase 28 milhões de pessoas foram infectadas pelo novo coronavírus desde quando surgiram os primeiros relatos da doença, no início de 2020. 

Os Estados Unidos seguem com mais mortes, totalizando mais de 190 mil óbitos. Na sequência vem o Brasil, com mais de 128 mil mortos. Em seguida estão Índia, com 73 mil, México, com 68 mil, e Reino Unido, com 41 mil.

Assista e leia também:

Quando teremos uma vacina eficaz contra a Covid-19?

Entenda como pessoas que não tiveram Covid-19 podem ter imunidade ao vírus

Já no total de casos, os Estados Unidos continuam no topo do ranking, com 6,3 milhões de infectados. Em segundo está a Índia, com 4,3 milhões de contaminados. O Brasil vem em terceiro lugar, com quase 4,2 milhões de casos. Na sequência, aparecem Rússia, com 1 milhão e Peru, com 696 mil.