Coronavac recebe certificação de boas práticas de fabricação da Anvisa

Etapa é pré-requisito para autorização de uso emergencial

Da CNN, em São Paulo
21 de dezembro de 2020 às 22:03


 A Coronavac é a primeira vacina a receber a certificação de boas práticas de fabricação pela Agência Nacional de Vigilância Santitária (Anvisa). A novidade foi anunciada na noite desta segunda-feira (21), após a visita de técnicos ao laboratório da Sinovac na China. 

Na mesma viagem, eles visitaram o laboratório da Astrazeneca, mas o relatório ainda não foi publicado. A Moderna e a Pfizer também entraram com o pedido para ter o certificado de boas práticas aprovado pela Anvisa.

Leia também
O que sabemos sobre a nova variante do coronavírus
Mutação da Covid-19 fecha fronteiras e acende novo alerta às vésperas do Natal
Brasil registra mais 25 mil casos e 527 mortes por Covid-19

Caixas da Coronavac, vacina da farmacêutica Sinovac em conjunto com Instituto Butantan
Foto: Thomas Peter/Reuters (24.set.2020)


O protocolo antecede pedidos de uso emergencial e de registros definitivos. Com o certificado, a Coronavac tem uma chancela maior da Anvisa para pedidos de uso emergencial - que nenhum laboratório fez até agora.