Johnson & Johnson está desenvolvendo reforço da vacina para combater variantes

Imunizante foi aprovado em caráter emergencial nos EUA no último sábado (27)

da CNN*
01 de março de 2021 às 14:26
Representação gráfica do novo coronavírus, causador da doença Covid-19
Representação gráfica do novo coronavírus, causador da doença Covid-19
Foto: Gerd Altmann/Pixabay

A Johnson & Johnson está desenvolvendo um reforço para a vacina contra Covid-19 combater as variantes do novo coronavírus, disse o CEO Alex Gorsky em entrevista à CNN Internacional nesta segunda-feira (1º).

"Enquanto estamos animados e confiantes na vacina atual que temos, precisamos estar sempre nos preparando para o futuro e para o desconhecido", disse Gorsky. "Então, estamos fazendo isso enquanto nós estamos conversando". 

A vacina da Johnson foi aprovada para uso emergencial nos Estados Unidos no último sábado (27). Esse é o primeiro imunizante autorizado que necessita de apenas uma dose. 

Outras farmacêuticas também estão trabalhando em atualizações para as vacinas. Na última semana, a Moderna enviou uma nova versão do imunizante, modificado para combater a variante sul-africana, para análise do Instituto Nacional de Saúde dos EUA. 

(*Com informações de Naomi Thomas, da CNN Internacional)