Comissão do SUS não recomenda cloroquina contra a Covid-19

A Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias (Conitec) recomenda apenas uso de anticoagulantes e corticoides 

Da CNN, em São Paulo
17 de maio de 2021 às 23:20

A Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias (Conitec), órgão de assessoramento do Ministério da Saúde, colocou em consulta pública um relatório de diretrizes para o tratamento hospitalar de pacientes com Covid-19 no Sistema Único de Saúde (SUS). O documento não recomenda a utilização de cloroquina, hidroxicloroquina, azitromicina e ivermectina.

O grupo de medicamentos é constantemente indicado pelo presidente da República Jair Bolsonaro (sem partido), mas não tem eficácia comprovada. Segundo informações da analista de Economia da CNN Raquel Landim, o texto mostra que os remédios foram testados e não revelaram benefícios.

O documento tem 101 páginas, é referendado por sete sociedades médicas e coordenado pelo chefe de pneumologia do Incor Carlos Carvalho. No relatório, são recomendados anticoagulantes, para evitar tromboses, e corticoides, para reduzir inflamações. 

Além disso, consta que antimicrobianos só devem ser utilizados se houver infecção por bactéria. O anticorpo tocilizumabe, indicado para artrite, também é dúvida. 

O documento já recebeu recomendação preliminar favorável, ficará em consulta pública por 10 dias e depois volta para o plenário da Conitec. Se aprovado, segue para ser adotado ou não pelo ministro da Saúde, Marcelo Queiroga

Comprimidos de cloroquina produzidos no Laboratório Químico Farmacêutico do Exército brasileiro
Foto: LQFex/Exército Brasileiro (31.mar.2020)