Serrana mostra que vacinação tem efeito em toda a população, diz Dimas Covas

Em entrevista à CNN, o diretor do Instituto Butantan afirmou que os dados que apontam 95% de queda nas mortes na cidade revelam uma forma de "controle" da Covid

Produzido por Elis Franco, da CNN, em São Paulo
31 de maio de 2021 às 21:01

Em entrevista à CNN, o diretor do Instituto Butantan, Dimas Covas, afirmou que o estudo de vacinação em massa na cidade de Serrana, no interior de São Paulo, provou que a imunização tem efeito tanto para aqueles que receberam as doses, como para os que não receberam.

Segundo o prefeito Léo Capitelli (MDB), os números preliminares apontaram queda de 95% nas mortes pela doença.

"Mostra claramente que a vacinação tem uma interferência direta no curso da pandemia de Covid-19, inclusive para as pessoas não vacinadas, porque os dados dizem respeito a toda população", disse Covas. "Não é a erradicação da epidemia, é o controle."

O diretor do Butantan também comentou sobre a decisão da Conmebol de tornar o Brasil a sede da Copa América. De acordo com ele, a situação atual da pandemia no país não é convidativa a trazer um evento como esse. 

"Estamos em um momento de incerteza em relação à evolução da pandemia no Brasil. Os números começam, de novo, a apresentar piora e existe a presença de variantes consideradas muito importantes", explicou Covas.

"Não é o momento de promovermos nenhum tipo de movimentação, ainda mais internacional, de pessoas que podem trazer outras cepas para cá e, eventualmente, levá-las para outro local."

O diretor do Instituto Butantan, Dimas Covas, falou à CNN sobre o resultado da vacinação em massa em Serrana (31.mai.2021)
Foto: Reprodução / CNN