Novo estudo aponta que risco de infecções graves por Covid em crianças é raro

A pesquisa foi feita por 15 instituições britânicas 

Marcelo Favalli, da CNN, em São Paulo
10 de julho de 2021 às 01:27

Uma pesquisa conduzida por cientistas de 15 instituições britânicas concluiu que o risco de infecções graves por Covid-19 em menores de idade é extremamente baixo. Os dados apresentados pelo levantamento foram coletados no sistema público de saúde do Reino Unido.

O estudo descobriu que a maioria das crianças e adolescentes que morreram após testar positivo para a doença na Inglaterra tinham problemas de saúde pré-existentes. Foram levadas em consideração as internações nos 12 primeiros meses da pandemia, em que ocorreram 5.800 hospitalizações. 

Além disso, nesse período 25 menores tiveram morte declarada por coronavírus. O artigo destaca que o número é muito baixo em relação à população de 12 milhões de crianças no país. 

Estudo britânico aponta que risco de infecções graves por Covid-19 em crianças é raro
Foto: Reprodução / CNN

(Publicado por Nathallia Fonseca)