Fãs de Harry Potter, cientistas batizam espécie de cobra de Salazar Sonserina

Víbora Trimeresurus salazar pode ser encontrada na Índia

Leah Asmelash, da CNN
22 de abril de 2020 às 01:54
Serpente cujo nome homenageia Salazar Sonserina
Foto: Aamod Zambre e Chintan Seth/Eaglenest

Uma equipe de pesquisadores da Índia, ao descobrir uma nova espécie de víbora verde, decidiu nomeá-la como Salazar Sonserina, em homenagem ao personagem de Harry Potter. As descobertas foram publicadas este mês na revista Zoosystematics and Evolution.

Para aqueles que não estão familiarizados com Harry Potter, uma rápida lição de história: em poucas palavras, Salazar Slytherin foi um dos fundadores da Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts, junto com seus amigos Godrico Grifinória, Rowena Corvinal e Helga Lufa-Lufa.

Além de serem alguns dos bruxos mais poderosos de seu tempo no mundo Harry Potter, eles também são os nomes das quatro casas de Hogwarts.

Sonserina, em parte conhecido por sua capacidade de conversar com cobras, está ligado aos animais - a cobra é, afinal, o símbolo da casa da Sonserina em Hogwarts. Por isso, os pesquisadores escolheram o nome Trimeresurus salazar.

Na pesquisa, a equipe sugere que o animal seja conhecido como a víbora de Salazar.

As víboras do gênero Trimeresurus são venenosas e encontradas em todo o leste e sudeste da Ásia. Esta espécie foi encontrada na Índia, mas há pelo menos 48 outras do mesmo gênero que habitam a região.

Um dos traços que se destacam nessa víbora em particular, no entanto, é a faixa laranja-avermelhada encontrada no lado da cabeça nos machos. Infelizmente, um porta-voz da Sonserina não estava disponível para comentar.