As 50 melhores comidas do mundo


CNN Travel
08 de março de 2020 às 18:05

"Não existe amor mais sincero que o amor pela comida", disse George Bernard Shaw. A julgar pelo número de pratos incríveis por aí, ele tinha razão.

Mas quais são os mais saborosos? Quais são as melhores comidas? E quais são os destinos onde elas são servidas?

Percorremos o planeta em busca do que achamos ser 50 das mais deliciosas comidas já criadas. Encha seus olhos e tente não babar enquanto revelamos algumas das melhores comidas do mundo que podem ajudar você a planejar uma viagem:

50. Pipoca amanteigada, Estados Unidos
O milho – a força motriz do mundo industrial – é melhor quando sua variedade verde é frita com bastante manteiga até explodir, para depois pegarmos em punhados gordurosos enquanto vemos Netflix tarde da noite.

49. Masala dosa, Índia

Masala dosa, uma espécie de panqueca da Índia

Masala dosa, prato da Índia

Foto: McKay Savage/Creative Commons/Flickr

Um crepe crocante de massa de arroz envolve uma mistura picante de purê de batatas, que depois é mergulhada em um chutney de coco, picles, molhos à base de tomate e lentilha e outros condimentos. É um café da manhã fantástico que o mantém satisfeito até o almoço, quando você provavelmente voltará para comer outro.

48. Batata chips, Reino Unido

Porção de batatas chips

Batatas chips

Foto: Kate Ter Haar/Creative Commons/Flickr

Não se sabe ao certo quando e onde a batata chips nasceu – reza a lenda americana que foi inventada em Nova York em 1853, mas a receita mais antiga conhecida de "Batatas Fritas em Fatias ou Aparas" aparece em um livro de receitas best-seller de 1817, do inglês William Kitchiner.

Seja qual for o caso, agora elas são um dos alimentos mais aceitos pelas crianças e um dos melhores do mundo. Mas pense nelas dessa maneira: se uma única batata chips custasse, digamos, US$ 5 (pouco mais de R$ 20), seria uma iguaria muito melhor (e mais popular) que o caviar, um prêmio pelo qual valeria a pena brigar.

47. Paella de frutos do mar, Espanha
O mar está batendo aos seus pés, uma brisa quente bate na toalha de mesa em torno de suas pernas e uma panela fumegante de paella é posta na sua frente. Camarão, lagosta, mexilhão e lula são misturados ao arroz branco e várias ervas, azeite e sal neste prato valenciano para enviá-lo imediatamente ao modo de férias. Apesar de que, se você comê-lo na Espanha, provavelmente já está lá.

46. Som tam, Tailândia

Som tam, tradicional prato tailandês

Som tam, prato tailandês

Foto: Jessica Spengler/Creative Commons/Flickr

Para preparar a salada mais famosa da Tailândia, triture alho e pimenta malagueta com um pilão e socador. Adicione o suco de tamarindo, molho de peixe, amendoim, camarão seco, tomate, suco de limão, pasta de cana de açúcar, vagens e um punhado de mamão verde ralado. Pegue um pouco de arroz grudento. As variações incluem as feitas com caranguejo (som tam boo) e molho de peixe fermentado (som tam plahlah), mas nenhuma se iguala ao sabor e à beleza simples do original.

45. Arroz de frango, Cingapura

Arroz de frango

Arroz de frango

Foto: Madeleine Deaton/Creative Commons/Flickr

Frequentemente chamado de "o prato nacional" de Singapura, esse frango cozido na água ou no vapor é servido sobre arroz oleoso e aromático, com pepino fatiado como decoração. As variantes incluem frango assado ou frango com molho de soja. Não importa como seja preparado, é uma das melhores comidas de Singapura. Os molhos – molho de soja escuro premium, pimenta com alho e gengibre moído – dão a ele aquela algo a mais para garantir que, quando você não estiver em Singapura comendo arroz de frango, esteja pensando nisso.

44. Poutine, Canadá

Poutine, prato canadense

Poutine, prato canadense

Foto: Cortesia do PoutineFest
Batatas fritas cobertas com queijo coalho e molho de carne. Soa meio nojento, a aparência é ainda pior, mas preenche a boca com uma mistura de batata frita com molho e queijo que fará você brigar pela última bocada. Nossos amigos canadenses insistem que é mais bem apreciado às três da manhã depois de "várias" cervejas.

43. Tacos, México
Uma tortilha fresca e artesanal, recheada com pequenos pedaços de carne grelhada, passados no óleo e sal marinho, cobertos com guacamole, molho, cebola, coentro ou qualquer outra coisa que você quiser - perfeito para o café da manhã, almoço ou jantar. É por esse motivo que nenhum turista deixa o México com um peso menor do que quando chegou.

42. Torradas amanteigadas com marmite, Reino Unido

Torradas amanteigadas com marmite

Torradas amanteigadas com marmite

Foto: SteveR-/Creative Commons/Flickr

OK, qualquer coisa com manteiga provavelmente vai ficar ótima, mas há algo nesse extrato de levedura picante, salgado, azedo, do tipo "ame-o ou odeie-o" que transforma um pedaço de pão grelhado em um motivo para continuar vivendo. Para um "que delícia" (ou “eca”) a mais, adicione uma camada de geleia de laranja.

41. Tofu fedido, Sudeste Asiático

Tofu fedido, iguaria do sudeste da Ásia

Tofu fedido, iguaria do sudeste da Ásia

Foto: Toby Oxborrow/Creative Commons/Flickr

Nada realmente o prepara para o fedor de um dos pratos mais estranhos do mundo. Assim como o durian, o tofu fedorento é um dos alimentos mais emblemáticos do Sudeste Asiático. O odor da fermentação do tofu é tão predominante que não sai da memória de muitos por meses. Mas o lendário sabor divino realmente vale o esforço? Claro que sim.

40. Marzipã, Alemanha

Marzipã, da Alemanha

Marzipã, da Alemanha

Foto: Alpha/Creative Commons/Flickr

Não se deixe enganar por imitações baratas, que usam pasta de soja ou essência de amêndoa. O de verdade, que não usa nada além de amêndoas moídas com açúcar, é tão bom que você come uma barra inteira, fica enjoado e ainda se pega brincando com a embalagem da segunda barra.

39. Ketchup, Estados Unidos
Se Malcolm Gladwell diz que é um alimento perfeito, então é um alimento perfeito. Vamos ser sinceros: qualquer coisa que possa convencer crianças de 2 anos a comer suas cenouras, em vez de cuspi-las no chão, merece não apenas o título de "delicioso", mas também de "milagre da persuasão".

38. Torrada francesa, Hong Kong

Torrada francesa ao estilo de Hong Kong

Torrada francesa ao estilo de Hong Kong

Foto: Connie Ma/Creative Commons/Flickr

Ao contrário da sua versão mais contida, servida no brunch de domingo, a torrada francesa ao estilo de Hong Kong é como um abraço bem frito. Dois pedaços de torrada recebem uma camada grossa de pasta de amendoim ou geleia de kaya (à base de coco), são embebidos em ovos batidos, fritos na manteiga e servidos com ainda mais manteiga e bastante melado. Uma das melhores comidas de Hong Kong, é mais bem aproveitada antes da checagem do colesterol.

37. Frango à parmegiana, Austrália

Frango à parmegiana

Frango à parmegiana

Foto: Shirley Binn/Creative Commons/Flickr
Queijos parmesão e muçarela derretidos e um molho de tomate apimentado, com alho, regado por cima de um filé de frango - os frequentadores de pubs australianos afirmam que este prato aparentemente italiano é deles. Como o preparam tão bem, não faz sentido discutir.

36. Homus, Oriente Médio
Essa humilde pasta do Oriente Médio, feita com grão de bico, alho, suco de limão e tahine (pasta de gergelim), tornou-se um item básico da geladeira no mundo todo. Esta delícia de sabor picante é ótima como patê, com pães, carnes, legumes, feijão ou – escutem só  – biscoitos de arroz da marca Marmite.

35. Caranguejo com pimenta malagueta, Singapura

Caranguejo com pimenta malagueta de Singapura

Caranguejo com pimenta malagueta de Singapura

Foto: May Wong/Creative Commons/Flickr

Você não pode visitar Singapura sem experimentar sua especialidade condimentada, molhada e carnuda. Embora existam dezenas de maneiras de preparar o caranguejo (com pimenta do reino, gema de ovo salgada, assado com queijo, etc.), o caranguejo com pimenta malagueta continua sendo o best-seller local. O molho condimentado de malagueta com tomate tende a respingar, e é por isso que você precisa secar tudo com mini pães mantou.

34. Maple syrup, Canadá

Maple syrup

Maple syrup

Foto: Raffi Asdourian/Creative Commons/Flickr

Já tentou comer uma panqueca sem maple syrup (xarope de bordo)? É como comer uma fatia de papelão. Papelão mal preparado. De fato, esse é o presente do Canadá para os pais em qualquer parte do mundo - jogue um pouco de maple syrup no brócolis da criança e veja o que acontece - faz valer a pena experimentar quase qualquer coisa. Passe o papelão, por favor.

33. Fish' n’ chips (peixe com batata chips), Reino Unido
Qualquer coisa que exista desde a década de 1860 não pode estar errando muito. O item básico da classe trabalhadora britânica vitoriana é um prato crocante por fora e macio por dentro, de elementos básicos e sem adornos.

32. Ankimo, Japão
Então, quem está disposto a comer um pedaço de fígado de tamboril com uma pequena porção de daikon (rabanete branco) ralado? Achei que não. Mesmo assim, você está perdendo um dos últimos grandes segredos do sushi, o premiado ankimo. O tamboril/peixe pescador que, sem saber, entrega seu fígado aos sofisticados fãs de sushi, está ameaçado pelas redes de pesca comercial que danificam seu habitat no fundo do mar. Por isso, é possível que o ankimo não fique por aí por muito tempo. Se por um acaso se deparar com essa iguaria cremosa, mas estranhamente leve, qualquer hora dessas, dê uma experimentada - você não vai se arrepender de provar uma das melhores comidas do Japão.

31. Presunto de Parma, Itália
Ele é enrolado no melão, em grissinis, colocado em pizzas, espalhado em saladas. Há uma boa razão para isso: essas fatias salgadas bem fininhas de presunto seco ao ar elevam o sabor de tudo o que acompanham a um outro patamar.

30. Goicuon (pão de verão), Vietnã

Pão de verão, comida do Vietnã

Pão de verão

Foto: Cortesia de Ducson Nguyen

Este petisco feito com carne de porco, camarão, ervas, bifum (macarrão de arroz) e outros ingredientes envoltos em papel de arroz é servido à temperatura ambiente. É uma "carne leve", com sabores de ervas refrescantes estalando na boca. Mergulhado em um molho vietnamita levemente adocicado com amendoim moído, é saudável, fácil e com a própria definição de "quero mais".

29. Carne Ohmi-gyu, Japão
Esta carne bovina japonesa premium Wagyu, do famoso Takara Ranch, foi reconhecida pelo Palácio Imperial do Japão como uma das melhores raças bovinas criadas nos últimos 400 anos. Chamada de "Rolls-Royce" da carne, é mais bem saboreada no estilo sashimi, umedecida com um pingo de limão kaffir (combava) e sal marinho com chá verde. A gordura marmorizada dá textura a cada mordida, à medida que a carne derrete na boca, deixando um sabor sutil, mas distintamente clássico de carne.

28. Pho, Vietnã

Pho, prato do Vietnã

Pho, prato do Vietnã

Foto: Rory MacLeod/Creative Commons/Flickr

Este prato nacional, muitas vezes mal pronunciado ("fãh" é a forma correta), é apenas um caldo, macarrão de arroz fresco, algumas ervas e geralmente frango ou carne bovina. Mas é maior que a soma de suas partes – aromático, saboroso e equilibrado.

27. Lechón, Filipinas

Lechón, leitão assado das Filipinas

Lechón, leitão assado das Filipinas

Foto: Lemuel Cantos/Creative Commons/Flickr

Prato nacional filipino, o lechón é um leitão inteiro assado lentamente sobre carvão por várias horas. O processo deixa a carne macia e a pele crocante. É preparado em ocasiões especiais durante todo o ano.

26. Fajitas, México

Porção de Fajitas

Porção de Fajitas

Foto: Denis Dervisevic/Creative Commons/Flickr

Este kit de montagem de uma experiência gastronômica é uma emoção para os entusiastas do faça-você-mesmo no mundo todo. Passo 1: Observe a carne chiar em uma chapa de fogo. Passo 2: Junto com a carne, jogue acompanhamentos de pimenta-da-guiné, cebola, guacamole, sour cream (creme azedo) e salsa (molho mexicano à base de tomate e pimenta) em uma tortilha de farinha quente. Passo 3: prometa a todos que consigam ouvi-lo que você comerá "só mais um". Passo 4: Repita.

25. Caranguejo com manteiga de alho, Índia

Caranguejo com manteiga de alho

Caranguejo com manteiga de alho

Foto: Jun Selta/Creative Commons/Flickr

Este prato afirma não ter raízes na culinária chinesa, continental ou indiana. Ele vem da “Terra da Manteiga”, um paraíso imaginário dos melhores alimentos, sustentado pela premissa de que qualquer coisa fica ótima com manteiga derretida. Este prato simples e delicioso é feito mergulhando um caranguejo grande em um galão de molho de manteiga de alho, que penetra em todos os cantos e recantos e reveste cada centímetro de carne. Os deuses do mar da Terra da Manteiga são carnívoros benevolentes e esse prato, seu presente para o mundo, leva sua assinatura.

24. Champ, Irlanda
Champ, o prato nacional irlandês, desce mais rápido que o primeiro pint de Guinness em uma noite de sexta-feira. Purê de batatas com cebolinha, manteiga, sal e pimenta, o champ é o acompanhamento perfeito de qualquer carne ou peixe. Para o típico prato deliciosamente cremoso, sugerimos o pub mais movimentado de qualquer cidade costeira irlandesa. Por volta do meio-dia, parece ser bom.

23. Lasanha, Itália
Perdendo apenas para a pizza na lista de comidas italianas famosas, há um motivo para esse presente em camadas de massa, com molho de tomate e carne picada, para crianças e adultos, ser tão popular - simplesmente dá certo.

22. Poke, Havaí

Poke

Poke

Foto: Takaokun/Creative Commons/Flickr

Este icônico aperitivo havaiano é uma salada de peixe cru, que surgiu quando os pescadores locais buscavam um uso para os recortes de suas capturas.

O peixe é temperado de maneiras diferentes - por isso, é um prato delicioso, mas também saudável. A refeição agora se espalhou para o continente e pelo mundo afora.

21. Croissant, França
Massa folhada e crocante banhada em manteiga, uma porção de geleia de framboesa espalhada por cima e uma suave mordida enquanto você afunda os dentes; não tem o que não amar nessa comida doce e gordurosa, que deve ser combinada com uma xícara de café forte.

20. Arepas, Venezuela
Uma massa de milho que oferece uma tela saborosa na qual você pode pintar com qualquer cobertura deliciosa: queijo, frango desfiado, torresmo, ovos mexidos, carne bovina, tomate, abacate.

19. Bunny Chow, África do Sul

Bunny chow, comida da África do Sul

Bunny chow, comida da África do Sul

Foto: CNN Inside Africa

Apesar do nome, nenhum coelho é machucado na confecção de um dos alimentos de rua mais amados da África do Sul. O bunny chow consiste na metade ou um quarto de pão branco oco, recheado com curry super picante. O prato teve origem na comunidade indiana de Durban.

18. Shish kebab
Escolha sua carne, enfie um palito nela e grelhe. Esses espetos deliciosos - geralmente de cordeiro, mas também de carne bovina, peixe-espada e frango - são saboreados com arroz e legumes e são o complemento perfeito para o seu churrasco de verão.

17. Lagosta, mundial
Esqueça todos os seus pratos de lagosta sofisticados e elaborados, preparados por chefs exibicionistas, ansiosos pelo aval da Michelin. Quando você tiver uma comida excelente tão naturalmente deliciosa quanto esses companheirinhos, deixe tudo simples. A melhor maneira de apreciar uma lagosta é simplesmente fervendo-a e servindo-a com uma porção de manteiga derretida e uma fatia de limão.

16. Pastel de nata, Portugal
O pastel de nata é talvez o subproduto de lavanderia mais saboroso do mundo. Reza a lenda que as freiras e os monges portugueses, tendo usado claras de ovo para engomar seus trajes religiosos, usaram as gemas que sobraram para fazer doces, incluindo essas tortas de creme pecaminosamente deliciosas.

15. Pierogi, Polônia
Há bolinhos e há bolinhos poloneses. Pierogis são pacotinhos de delícias que podem ser preenchidos com tudo, de batata a chucrute, de carne a queijo e frutas, sendo geralmente cobertas com manteiga derretida, creme azedo ou cebola frita. São tradicionalmente cozidos, embora o pierogi frito esteja se tornando mais comum.

14. Donuts, Estados Unidos

Donuts de diversos sabores

Donuts de diversos sabores

Foto: Dave Crosby/Creative Commons/Flickr

Essas rodelas americanas de massa frita dispensam apresentação, mas vamos dizer uma coisa: a deliciosa culpa de beliscar essas bombas de calorias viciantes faz com que tenham um sabor ainda melhor. Se é que isso é possível.

13. Espiga de milho, mundial
Deus provavelmente criou o milho apenas para ter uma desculpa para inventar a manteiga derretida. Há algo sobre morder uma espiga de milho - é uma operação delicada o suficiente para exigir concentração, mas primordial o suficiente para fazer você se sentir como o homem das cavernas que sempre quis ser. Boa comida é comida do homem das cavernas.

12. Frango Piri-piri, Moçambique

Frango piri-piri, prato da culinária de Moçambique

Frango piri-piri, prato da culinária de Moçambique

Foto: Cortesia de Helen Graves

A rede de restaurantes sul-africana Nando's fez com que o frango piri-piri moçambicano-português fosse amado em todo o mundo. Mas para o prato original, vá até Maputo, capital de Moçambique. A galinha à Zambeziana é um banquete de frango assado de lamber os dedos, cozida com limão, pimenta, alho, leite de coco e molho piri-piri.

11. Rendang, Indonésia

Rendang, delicioso prato da Indonésia

Rendang, delicioso prato da Indonésia

Foto: Alpha/Creative Commons/Flickr

A carne bovina é cozida lentamente com leite de coco e uma mistura de erva-cidreira, gengibre tailandês (galangal), alho, cúrcuma, gengibre e pimenta malagueta, e depois deixada para cozinhar por algumas horas para criar esse maravilhoso prato bovino macio e saboroso. Se for comê-la assim que sair da cozinha, pode sobrecarregar seu estômago, mas muitos acham que ela fica ainda melhor quando deixada para descansar de um dia para o outro.

10. Muamba de frango, Gabão
Uma versão alterada e ocidental desse delicioso prato gabonês mergulha tudo em pasta de amendoim. Uma loucura. A receita adequada pede frango, pimenta malagueta, alho, tomate, pimenta, sal, quiabo e manteiga de palma, uma manteiga africana de entupir as artérias, que o forçará a repetir e a prometer que vai começar a frequentar sua academia de ginástica. 

9. Sorvete, mundial
Você pode ter acabado de se empanturrar ao ponto de erupção, mas de alguma forma sempre há espaço para uma porção de sorvete - de apodrecer os dentes- com nozes, marshmallow e calda de chocolate. Agradeça a Deus pelas colheres bem compridas que permitem chegar até o verdadeiro material engordativo, todo misturado e derretido no fundo da taça.

8. Tom yum goong, Tailândia

Tom yum goong, obra-prima da culinária tailandesa

Tom yum goong, obra-prima da culinária tailandesa

Foto: [email protected]/Creative Commons/Flickr

Esta obra-prima tailandesa está repleta de camarão, cogumelos, tomates, erva-cidreira, gengibre tailandês (galangal) e folhas de limão kaffir. Geralmente levando bastante leite e creme de coco, esta saudável sopa reúne uma série de sabores tailandeses favoritos: azedo, salgado, picante e doce. O melhor de tudo é o preço: barato.

7. Penang assamlaksa, Malásia

Penang assam laksa, um dos pratos mais populares da Malásia

Penang assam laksa, um dos pratos mais populares da Malásia

Foto: Pandora Voon/Creative Commons/Flickr

Lascas de cavala cozidas, tamarindo, malagueta, hortelã, erva-cidreira, cebola, abacaxi... Um dos pratos mais populares da Malásia é um viciante caldo de peixe apimentado e agridoce com macarrão (que fica ótimo quando misturado ao gengibre), que fará seu nariz escorrer antes que a colher atinja seus lábios. 

6. Hambúrguer, Alemanha
Quando algo tem um gosto tão bom que as pessoas gastam US$ 20 bilhões todo ano em uma única cadeia de restaurantes dedicada a ele, você sabe que precisa se encaixar nessa lista. O McDonald's pode não oferecer os melhores hambúrgueres, mas essa é a questão - ele não precisa. A combinação de pão, carne e salada é tão boa que países inteiros devastaram seus ecossistemas só para criar mais vacas.

5. Pato-à-pequim, China
O xarope de maltose que cobre a pele é o segredo. Assada lentamente no forno, a pele crocante e coberta de xarope é tão boa que os restaurantes autênticos servem mais pele que carne, trazendo com ela panquecas, cebolas e hoisin (molho à base de soja) ou molho de feijão doce. Além de voando ou flutuando, esta é a única maneira que você vai querer seu pato.

4. Sushi, Japão
Quando o Japão quer construir algo da maneira correta, ele realmente constrói. Gigantes de marcas como a Toyota, Nintendo, Sony, Nikon e Yamaha podem ter sido criadas por pessoas alimentadas por nada mais complicado que peixe e arroz cru, mas é como o peixe e o arroz são colocados juntos que o tornam uma das escolhas favoritas mundiais para um primeiro encontro. Os japoneses não vivem praticamente para sempre sem motivo - eles querem continuar comendo esse negócio.

3. Chocolate, México
Os maias o bebiam, Lasse Hallström fez um filme sobre ele e o resto de nós supera a culpa de comer demais comendo mais dele. A história do humilde grão de cacau é um autêntico conto de maravilha culinária que saiu da floresta para dentro da civilização. Sem esse doce cremoso e agridoce, o Dia dos Namorados seria só de cartões e flores, e a Páscoa voltaria a ser outro evento religioso sem graça.

2. Pizza napolitana, Itália
Nos poupe das monstruosidades cheia de protuberâncias e de rodas gananciosas com "tudo por cima". A melhor pizza era e ainda é a napolitana simples, uma invenção agora protegida por sua própria associação comercial que insiste em sal marinho, farinha de trigo de alta qualidade, no uso de apenas três tipos de tomate fresco, massa aberta à mão e no uso estrito de um forno a lenha, entre outras condições de qualidade. Com apenas alguns ingredientes - massa, tomate, azeite, sal e manjericão (a pizza marinara sequer contém queijo) - os napolitanos criaram um alimento que poucos fazem da forma correta, mas todo mundo adora.

1. Curry massaman, Tailândia

Massaman curry, considerado o melhor prato do mundo

Curry massaman, considerado o melhor prato do mundo

Foto: Marita/Creative Commons/Flickr

Sem dúvida, o rei dos curries, e talvez o rei de todos os alimentos. Picante, com sabor puxando para o coco, doce e delicioso. Mesmo o molho de pacote que você compra no supermercado pode fazer com que os cozinheiros mais relapsos pareçam um candidato a uma estrela Michelin em potencial. Felizmente, alguém inventou o arroz, com o qual os clientes podem enxugar os últimos chuviscos de molho de curry. "A Terra dos Sorrisos" não é apenas um slogan de marketing. É o resultado de ter nascido em uma terra onde a comida mais deliciosa do mundo é vendida em quase todas as esquinas.