A vida de Anthony Bourdain em fotos

CNN Brasil vai exibir "Anthony Bourdain", um dos programas de gastronomia e viagem de maior prestígio já produzidos na televisão mundial

Da CNN
22 de agosto de 2020 às 05:00

A CNN Brasil vai exibir "Anthony Bourdain", um dos programas de gastronomia e viagem de maior prestígio já produzidos na televisão mundial, a partir das próximas semanas.

"Anthony Bourdain” é uma produção original da CNN americana e entrará na grade de programação do canal brasileiro em breve. Na versão da CNN Brasil, a apresentação será do chef e apresentador André Mifano.

Anthony Bourdain, o talentoso chef, contador de histórias e escritor que levou os telespectadores ao redor do mundo para explorar a cultura, a culinária e a condição humana, teria feito 64 anos em 25 junho de 2020 - ele morreu em junho de 2018.

Leia também:

Assistente relembra carreira de sonho ao lado de Anthony Bourdain

Relembre as viagens mais icônicas de Anthony Bourdain

Jose Andres e Eric Ripert, amigos de longa data de Bourdain e chefs de renome mundial, anunciaram que a data (25 de junho) será o “Dia do Bourdain” – um dia dedicado para amigos e fãs celebrarem sua memória.

Abaixo, confira algumas imagens da história de Anthony Bourdain.

Um jovem Bourdain, à direita, em uma foto com seu pai, Pierre, e seu irmão, Christopher, em Long Beach Island, em 1970. Pierre Bourdain era um executivo musical da Columbia Records. Sua esposa, Gladys, era editora do The New York Times.
Foto: Foto de família
 
Bourdain, à esquerda, é visto na década de 1970 com outros chefs em Provincetown, Massachusetts. Mais tarde, ele entrou para a escola de culinária e foi trabalhar em vários restaurantes na cidade de Nova York.
Foto: UPPA / Photoshot / Newscom
 
O programa que lhe deu fama, “Anthony Bourdain: Sem Reservas”, ficou no ar entre 2005 a 2012. Bourdain conquistou espectadores de todo o mundo ao mostrar como diferentes culturas apreciam sua comida.
Foto: Discovery Channel / Kobal / REX / Shutterstock
 
Bourdain e sua segunda esposa, Ottavia, fizeram tatuagens de cobra parecidas em South Beach, Flórida, em 2011. Os dois se divorciaram em 2016.
Foto: Splash News / Alamy
Bourdain dirige um veículo 4x4 na Colômbia durante as filmagens de “Parts Unknown”. O programa da CNN estreou em 2013.
Foto: Josh Ferrell for CNN
 
Bourdain saboreia um prato em viagem pelo Vietnã. Ao aceitar o prêmio Peabody por "Parts Unknown" em 2013, Bourdain disse: “Fazemos perguntas muito simples: O que faz você feliz? O que você come? O que gosta de cozinhar? E em todos os lugares do mundo em que vamos fazemos essas perguntas muito simples. Em geral recebemos respostas realmente surpreendentes”.
Foto: David S. Holloway/CNN
 
Bourdain visita a planície do Serengeti na Tanzânia, em 2014.
Foto: David S. Holloway/CNN

Bourdain filma em Beirute, Líbano, em 2015.
Foto: David Scott Holloway/CNN

Bourdain e o chef Eric Ripert almoçam em Marselha, França, em 2015. Ripert foi a pessoa que encontrou Bourdain desacordado em seu quarto de hotel em 2018.
Foto: ZPZ for CNN

Bourdain desfruta do café da manhã “cura para a ressaca” que a chef Nigella Lawson preparou para ele em sua casa em Londres em 2016.
Foto: David Scott Holloway/CNN

Bourdain senta-se com o presidente dos EUA, Barack Obama, durante um episódio de "Parts Unknown” em Hanói, no Vietnã, em 2016. Sobre um prato de bun cha, Obama compartilhou histórias pessoais e refletiu sobre suas próprias viagens internacionais.
Foto: CNN

Bourdain se senta para almoçar com pessoas do povo hauçá em Lagos, Nigéria, em 2017. “As pessoas se abrem com ele e, com isso, muitas vezes revelam mais sobre suas cidades ou terras natais do que um repórter tradicional poderia esperar documentar”, disseram os jurados do Prêmio Peabody, que homenageou Bourdain em 2013.
Foto: ZPZ para CNN

Bourdain viaja de trem no Sri Lanka em 2017. Tributos apareceram em várias parte do mundo após sua morte. “Tony Bourdain tornou o mundo um lugar mais inteligente e melhor, e ninguém o esquecerá", tuitou o apresentador de "Chopped", Ted Allen.
Foto: David Scott Holloway/CNN

(Texto traduzido, clique aqui para ler o original em inglês).