Aumento de IOF deve ajudar governo a “travar” valor do Auxílio Brasil em R$ 300

Equipe econômica acredita que vai conseguir barrar pressão de ala política para elevar valor do novo Bolsa Família

Renata Agostinida CNN

Ouvir notícia

A equipe econômica acredita que o aumento temporário do IOF anunciado nesta semana pelo governo ajudará a “travar” o valor do novo Bolsa Família em R$ 300, barrando a pressão da ala política para elevar ainda mais o benefício.

Do total arrecado com a alta do imposto que incide sobre operações financeiras, R$ 1,6 bilhão será destinado a custear o aumento do benefício neste ano, de acordo com o próprio governo. O Auxílio Brasil, nome do novo programa social, atenderá 17 milhões de famílias.

O ministro da Economia, Paulo Guedes, tem buscado interlocutores para pontuar este aspecto. Segundo ele, o aumento de setembro a dezembro do IOF foi uma “tecnicalidade jurídica” e um mecanismo “transitório”. Ele só permitirá o aumento até cerca de R$ 300 do benefício em 2021. Mas, como há eleição no ano que vem, o governo terá limitação legal para elevar o valor do auxílio.

Diante da repercussão negativa provocada pelo aumento do IOF para bancar o Bolsa Família, o ministro chegou a ser acionado por auxiliares que pediam seu aval para que novos esclarecimentos sobre a medida fossem dados “ainda neste fim de semana”. O mercado reagiu muito mal, argumentaram.

Mais Recentes da CNN