Bank of America prevê Selic em 5% até fim do ano e 5,75% em 2022

BofA eleva previsão para Selic ao fim do ano para 5%; vê taxa de 5,75% em 2022

Bank of America: Treasuries (títulos do Tesouro americano) foram as negociações 'mais movimentadas' pelo 2º mês
Bank of America: Treasuries (títulos do Tesouro americano) foram as negociações 'mais movimentadas' pelo 2º mês Foto: Carlo Allegri/Reuters

José de Castro, da Reuters

Ouvir notícia

O Bank of America elevou as previsões para a taxa Selic ao fim de 2021 e 2022, após na véspera o Banco Central surpreender com uma elevação de 0,75 ponto percentual na taxa básica de juros e sinalizar outro aumento na mesma magnitude na próxima reunião.

O BofA espera agora que o juro básico vá a 5% até o fim de dezembro, ante 4% do prognóstico anterior. Com o aumento na quarta, a Selic está agora em 2,75% ao ano.

Para 2022, o cálculo mudou de 5,25% para 5,75%.

“O BCB afirmou não ser mais necessário alto nível de estímulo monetário e, portanto, um ciclo parcial de normalização deve ocorrer”, disse o BofA em nota assinada por David Beker e Ana Madeira.

“Segundo o BC, o crescimento do PIB teve uma recuperação consistente no fim de 2020 e as expectativas de inflação estão acima da meta no horizonte da política monetária”, acrescentaram.

Na véspera, o BC surpreendeu parte dos analistas ao elevar a Selic em 0,75 ponto percentual, para 2,75% ao ano, na primeira alta de juros em cerca de seis anos. Ainda assim, o falou em “processo de normalização parcial” da política monetária, sugerindo que a taxa não subirá a ponto de zerar o estímulo monetário neste ano.

Mais Recentes da CNN