Carrefour reduz prejuízo no 1º semestre de 2021 e anuncia recompra de ações

As vendas líquidas do grupo somaram 34,47 bi de euros de janeiro a junho deste ano, em comparação com 34,27 bi de euros em igual intervalo do ano passado

Logotipo do Carrefour em loja da rede em São Paulo. 18/7/2017
Logotipo do Carrefour em loja da rede em São Paulo. 18/7/2017 Foto: REUTERS/Paulo Whitaker

Por Estadão Conteúdo

Ouvir notícia

 O Carrefour informou, nesta quarta-feira (28) que obteve prejuízo líquido de 21 milhões de euros no primeiro semestre de 2021, comparado com a perda de 25 milhões de euros na metade inicial de 2020.

As vendas líquidas do grupo francês somaram 34,47 bilhões de euros de janeiro a junho deste ano, em comparação com 34,27 bilhões de euros em igual intervalo do ano passado, um aumento de 5,1% no ano a taxas de câmbio constantes.

A gigante do varejo anunciou ainda que lançaria um programa de recompra de ações adicional de 200 milhões de euros em 2021 para complementar sua recompra de 500 milhões de euros concluída no final de julho.

“Enquanto o contexto sanitário e macroeconômico permanece incerto, o grupo avança com grande serenidade para alcançar seus objetivos, tanto para o ano de 2021, que será mais um ano recorde em termos de geração de caixa, quanto para o médio prazo”, afirmou o CEO da companhia, Alexandre Bompard. Fonte: Dow Jones Newswires.

Mais Recentes da CNN