Fed deve anunciar redução gradual em novembro, diz ex-membro do banco central

Resultados ruins nos últimos dois meses podem adiar cronograma, afirmou Dennis Lockhart

Federal Reserve fará uma nova reunião em setembro
Federal Reserve fará uma nova reunião em setembro REUTERS/Kevin Lamarque/File Photo

Lisa Pauline MattackalAaron Saldanhada Reuters

Ouvir notícia

O Federal Reserve deve anunciar a redução gradual de suas compras de ativos em novembro e iniciar o processo um mês depois, disse o ex-membro do banco central dos Estados Unidos Dennis Lockhart na quinta-feira (2).

Esperar até novembro dará às autoridades mais dados sobre a recuperação do mercado de trabalho e o crescimento econômico, disse Lockhart no Reuters Global Markets Forum (GMF).

Mas Lockhart, que foi diretor do Fed de Atlanta de 2007 a 2017, alertou que os “dois próximos meses particularmente ruins” podem adiar esse cronograma.

A reunião de setembro do Fed será a primeira desde o simpósio de Jackson Hole, onde o presidente, Jerome Powell, disse somente que a redução poderia ocorrer “neste ano”.

Lockhart acredita que os mercados financeiros devem absorver o processo de redução de estímulos sem muita volatilidade, mas que o Fed deve se preocupar com a agitação persistente do mercado caso ela afete a economia real.

Atualmente membro sênior da Harvard Kennedy School, Lockhart vê a inflação como transitória “por enquanto”. Essas pressões de preços podem durar até 2022, tornando vital gerenciar as expectativas de inflação, disse ele.

Mais Recentes da CNN