Guedes define substitutos para secretarias econômicas

O ministro pretende nomear a assessora especial Daniella Marques para a Secretaria de Produtividade e Competitividade e o auditor Júlio César Vieira para a Receita Federal

Gustavo Uribeda CNN

Ouvir notícia

O ministro da Economia, Paulo Guedes, definiu neste final de semana as substituições de secretários especiais que deixarão a pasta até o final deste ano para assumirem funções no exterior.

Para o comando da Secretaria Especial de Produtividade e Competitividade, hoje ocupada por Carlos da Costa, o ministro deve nomear a assessora especial de assuntos estratégicos, Daniella Marques Consentino.

Já para conduzir a Secretaria Especial da Receita Federal, que tem à frente hoje José Tostes Neto, o ministro deve indicar o auditor fiscal Júlio César Vieira.

Costa será nomeado adido de assuntos econômicos em Washington, na Embaixada do Brasil no EUA. Tostes também será nomeado adido, mas no posto do Brasil na OCDE, em Paris.

Guedes pretende aproveitar a dança nas cadeiras para fazer uma outra mudança. Ele pretende nomear o ex-deputado federal Alexandre Baldy, do PP, para a Secretaria Relações Institucionais do Ministério da Economia.

Mais Recentes da CNN