Holanda pode desmontar ponte histórica para abrir caminho a suposto iate de Bezos

Cidade de Roterdã deve remover a seção central da histórica Ponte Koningshaven para que superiate possa navegar para o mar

Ponte Koningshavenbrug. em Rotterdam, Holanda
Ponte Koningshavenbrug. em Rotterdam, Holanda Richard Sharrocks / Getty Images

Anna CorenCharles Rileydo CNN Business*

em Londres

Ouvir notícia

Roterdã está considerando um pedido para desmantelar parte de uma ponte histórica para permitir que um iate supostamente de propriedade do fundador da Amazon, Jeff Bezos, deixe o estaleiro onde está sendo construído.

A cidade holandesa recebeu um pedido de um construtor naval local para remover a seção central da histórica Ponte Koningshaven para que um superiate possa navegar para o mar, disse em comunicado à CNN Business nesta sexta-feira (4).

Autoridades de Roterdã disseram que o construtor naval ainda precisa solicitar uma licença. A cidade disse que consideraria a preservação da estrutura da ponte, juntamente com o impacto no meio ambiente e na economia local, incluindo empregos na indústria naval, antes de aprovar a licença.

O construtor naval precisaria pagar para que a ponte fosse desmontada, acrescentou a cidade. Uma extensa reforma da Ponte Koningshaven, conhecida pelos moradores como “De Hef”, foi concluída em 2017 e as autoridades municipais prometeram que ela nunca mais seria desmontada, segundo a emissora pública holandesa Rijnmond.

Outras pontes na rota entre o estaleiro e o mar não precisariam ser alteradas, disseram autoridades da cidade.

Rijnmond identificou o estaleiro como Oceanco, que constrói iates personalizados. A Oceanco está construindo um navio de 127 metros de comprimento conhecido como Y721 em Roterdã, de acordo com a Boat International.

O navio, que tem três mastros, será o veleiro mais alto do mundo quando concluído e entregue ainda este ano, informou a publicação especializada.

O superiate foi encomendado por Bezos, de acordo com a mídia holandesa e jornalista Brad Stone, que relatou em seu livro “Amazon Unbound” no ano passado que os planos futuros do bilionário incluem uma escuna de 127 metros sendo construída pela Oceanco.

A Oceanco e a Blue Origin, empresa de serviços de voos espaciais fundada por Bezos, não responderam aos pedidos de comentários.

Bezos é a terceira pessoa mais rica do mundo, com patrimônio líquido de US$ 164 bilhões, segundo o Bloomberg Billionaires Index. A notícia de que uma ponte histórica pode ter que ser temporariamente desmontada no final deste ano em seu nome irritou alguns moradores de Roterdã.

“Acho que é um dos poucos exemplos… de que quanto mais dinheiro você tem, mais poder você ganha”, disse o morador Matthias Van Der Wilt, 20, à Reuters. Se a cidade aprovar a permissão depois que “Bezos oferecer um bom dinheiro”, isso mostraria que os funcionários “não têm caráter”, acrescentou.

Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

versão original

Mais Recentes da CNN