Índices acionários da China caem com preocupações sobre novo surto de Covid-19

Após semanas praticamente sem nenhuma nova infecção por coronavírus, Pequim reconheceu dezenas de novos casos nos últimos dias

Bolsas asiáticas têm trimestre ruim devido ao coronavírus (28.fev.2020)
Bolsas asiáticas têm trimestre ruim devido ao coronavírus (28.fev.2020) Foto: Aly Song/Reuters

Da Reuters

Ouvir notícia

Os principais índices acionários da China fecharam em baixa nesta segunda-feira (15), pressionados pelas perdas em outros mercados da região diante das crescentes preocupações com o ressurgimento do surto de coronavírus.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, recuou 1,2%, enquanto o índice de Xangai teve queda de 1,02%.

Após semanas praticamente sem nenhuma nova infecção por coronavírus, Pequim reconheceu dezenas de novos casos nos últimos dias, todas ligadas a um grande mercado de alimentos atacadista, levantando preocupações sobre o ressurgimento da doença.

Leia também:
China e EUA temem segunda onda de Covid-19; mercados começam semana em queda
Para mercado financeiro, timing da saída de Mansueto é ‘horroroso’

Um novo surto poderia afetar o apetite por risco no curto prazo, pesando sobre indústrias cíclicas que dependem fortemente da retomada do trabalho e produção, embora o impacto sobre a economia da China seja limitado dadas suas medidas efetivas, escreveu em nota Li Lifeng, analista do with Zheshang Securities.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 3,47%, a 21.530 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 2,16%, a 23.776 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 1,02%, a 2.890 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, retrocedeu 1,20%, a 3.954 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve desvalorização de 4,76%, a 2.030 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou baixa de 1,08%, a 11.306 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES desvalorizou-se 2,64%, a 2.613 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 recuou 2,19%, a 5.719 pontos.

Clique aqui para acessar a página do CNN Business no Facebook

Mais Recentes da CNN