Lucro da ADM sobe quase 52% no 2ª trimestre

A flexibilização de restrições relacionadas à pandemia de coronavírus deve beneficiar empresas como a ADM e suas rivais Bunge, Cargill e Louis Dreyfus

Foto: Reuters/Brendan McDermid

da Reuters

Ouvir notícia

A Archer Daniels Midland reportou nesta terça-feira (27) um aumento de quase 52% em seu lucro no segundo trimestre, com a forte demanda por exportações agrícolas e as margens positivas para esmagamento de oleaginosas dando impulso aos principais negócios da companhia no setor de grãos dos Estados Unidos.

A flexibilização de restrições relacionadas à pandemia de coronavírus deve beneficiar empresas como a ADM e suas rivais Bunge, Cargill e Louis Dreyfus, que formam o chamado ABCD das tradings de grãos. Elas adquirem produtos agrícolas como milho e soja para exportação e processamento.

O lucro líquido atribuível à ADM no trimestre encerrado em 30 de junho avançou para US$ 712 milhões  ou US$ 1,26 por ação, ante US$ 469 milhões, ou 0,84 dólar/ação, em igual período do ano passado.

A receita da ADM no segundo trimestre registrou alta de 40,8%, a US$ 22,92 bilhões, superando as estimativas de Wall Street, de US$ 18,64 bilhões, segundo a Refinitiv IBES.

 

Tópicos

Mais Recentes da CNN