Mudança do Banco do Brasil não vai chegar à Caixa, dizem fontes

Pedro Guimarães segue na condução do banco público e assessores da Caixa também foram pegos de surpresa com a decisão

O presidente da Caixa, Pedro Guimarães: apesar da saída de Novaes, nada irá mudar na Caixa 
O presidente da Caixa, Pedro Guimarães: apesar da saída de Novaes, nada irá mudar na Caixa  Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil (15.mai.2020)

Thais Herédiada CNN

Ouvir notícia

O pedido de renúncia de Rubem Novaes, agora ex-presidente do Banco do Brasil, surpreendeu a direção da Caixa Econômica. Assessores ligados ao presidente da Caixa disseram à CNN que ninguém sabia de nada ou foi alertado sobre a decisão, mas que lá, nada muda. Pedro Guimarães segue na condução do banco público. 

Segundo gestores do mercado ouvidos pela CNN, o papel de braço financeiro público já está sendo exercido pela Caixa Econômica e assim deve se manter. Com a crise provocada pela pandemia o BB passou a ter uma atuação mais ativa na concessão de crédito às empresas que tiveram que paralisar suas atividades.

Leia também:
Militares já veem ressalvas à tecnologia chinesa no 5G

O banco estatal acelerou as operações de financiamento do Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe), voltada para MPEs, com garantia de recursos do Tesouro Nacional, já que o setor privado segue acuado diante do risco de calotes. 

A Caixa ficou responsável pelo maior programa lançado pelo governo federal desde o início da pandemia, o pagamento do auxílio emergencial. O banco já transferiu mais de R$ 166 bilhões a cerca de 65 milhões de pessoas, criou um banco digital e um aplicativo para agilizar a implementação da medida do governo.

Clique aqui para acessar a página do CNN Business no Facebook

Mais Recentes da CNN