Sentimento econômico na zona do euro piora em novembro, como esperado

Na indústria, o sentimento teve leve queda a 14,1 em novembro, de 14,2 em outubro

Distrito financeiro e empresarial de La Defense, em Paris
Distrito financeiro e empresarial de La Defense, em Paris 26/03/ 2018. REUTERS/Gonzalo Fuentes

da Reuters

Ouvir notícia

A confiança econômica da zona do euro diminuiu em novembro em linha com as expectativas, mostraram dados nesta segunda-feira (29) com os consumidores se tornando menos otimistas e reduzindo suas expectativas de inflação.

O indicador de sentimento econômico da Comissão Europeia caiu a 117,5 pontos em novembro de 118,6 em outubro para os 19 países que usam o euro.

O principal motivo para o recuo foi a redução do otimismo entre consumidores preocupados com uma quarta onda da pandemia de coronavírus e potenciais novas restrições.

Na indústria, o sentimento teve leve queda a 14,1 em novembro, de 14,2 em outubro. Para os serviços, o sentimento subiu a 18,4 de 18,0. A expectativa do mercado era de que ambos recuassem.

O sentimento também melhorou nos setores de varejo e construção, mas caiu dois pontos entre os consumidores, a -6,8 de -4,8, com as expectativas de inflação dos consumidores caindo a 39,3 de um recorde de 40,0 em outubro.

Ainda assim, as expectativas de preços de venda na indústria saltaram a 49,0 de 42,3 em outubro, nível mais alto desde o início da série histórica em 2000, disse a Comissão.

 

Mais Recentes da CNN