Startup de NFT de Tom Brady levanta US$ 170 mi em captação

Empresa criada ano passado opera uma plataforma de NFT envolvendo itens colecionáveis de celebridades esportivas, do entretenimento e cultura

Tom Brady no Raymond James Stadium
Tom Brady no Raymond James Stadium 7/2/2021 Matthew Emmons-USA TODAY Sports

da Reuters

Ouvir notícia

A Autograph, plataforma de tokens não fungíveis (NFT) co-fundada pelo astro do futebol americano Tom Brady, anunciou nesta quarta-feira (19) que levantou US$ 170 milhões em uma rodada de captação de recursos liderada pelas empresas de capital de risco Andreessen Horowitz e Kleiner Perkins.

A startup criada ano passado opera uma plataforma de NFT envolvendo itens colecionáveis de celebridades esportivas, do entretenimento e cultura.

Os atletas Naomi Osaka, Tiger Woods, Simone Biles, Tony Hawk e Usain Bolt estão entre os membros de seu conselho.

A captação anunciada nesta quarta-feira ocorreu seis meses depois de uma rodada série a na qual a empresa levantou 35 milhões de dólares sendo avaliada em US$ 700 milhões, segundo dados da PitchBook.

 

Mais Recentes da CNN