Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    IBGE revisa dados do PIB do 3º e 4º tri de 2021, que deixam de configurar recessão

    IBGE revisou o dado do quarto trimestre para cima, passando a ver expansão de 0,7% em vez da taxa de 0,5% informada anteriormente

    Apesar das revisões, o IBGE manteve o cálculo de que o PIB brasileiro cresceu 4,6% em 2021
    Apesar das revisões, o IBGE manteve o cálculo de que o PIB brasileiro cresceu 4,6% em 2021 Foto: Frank Busch / Unsplash

    Da CNN*

    A economia brasileira cresceu mais nos últimos dois trimestres de 2021 do que o calculado anteriormente, embora o aumento do Produto Interno Bruto no ano passado tenha ficado inalterado.

    O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revisou o dado do quarto trimestre para cima, passando a ver expansão de 0,7% em vez da taxa de 0,5% informada anteriormente.

    O dado do terceiro trimestre também melhorou, passando a um leve crescimento de 0,1%, contra recuo de 0,1% divulgado previamente.

    Com as revisões, o quadro deixa de ser visto como recessão técnica, caracterizada por dois trimestres seguidos de queda no PIB.

    O IBGE ainda passou a calcular alta de 1,1% no primeiro trimestre e queda de 0,2% no segundo, contra respectivamente avanço de 1,4% e retração de 0,3% das divulgações anteriores.

    • Revisão do 4TRI21 ante 3TRI21 de +0,5% para +0,7%
    • Revisão do 3TRI21 ante 2TRI21 de -0,1% para +0,1%
    • Revisão do 2TRI21 ante 1TRI21 de -0,3% para -0,2%
    • Revisão do 1TRI21 ante 4TRI20 de +1,4% para +1,1%

    Apesar das revisões, o IBGE manteve o cálculo de que o PIB brasileiro cresceu 4,6% em 2021.

     

    *Com Reuters