Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Alckmin vai presidir Conselhão da Indústria para impulsionar setor

    Objetivo do colegiado será debater e propor a Lula uma nova política industrial para o Brasil

    Lavínia Kaucz, do Estadão Conteúdo

    O vice-presidente da República, Geraldo Alckmin, vai presidir o Conselho Nacional de Desenvolvimento Industrial (CNDI). O presidente Luiz Inácio Lula da Silva editou na quinta-feira (6) um decreto que reativa, após sete anos, o CNDI.

    O objetivo do colegiado será debater e propor a Lula uma nova política industrial para o Brasil.

    Também será de competência do conselho aprovar as diretrizes para a implementação da política industrial, analisar propostas para aumentar a inovação e o desenvolvimento da economia verde e opinar sobre estratégias para a produtividade e competitividade da indústria.

    O CNDI será presidido pelo ministro do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços (MDIC), o vice-presidente Geraldo Alckmin, e composto ainda por mais outros 19 ministros, além do presidente do BNDES. Alckmin também indicará 21 conselheiros representantes da sociedade civil para integrar o fórum.

    De acordo com Alckmin, o conselho irá identificar medidas que fortaleçam a “neoindustrialização, a retomada da indústria baseada na sustentabilidade, na geração de empregos e na expansão dos setores produtivos”.

    O CNDI é um dos oito conselhos reativados por Lula nesta quinta-feira dentro das ações dos 100 primeiros dias de governo.