Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Alta nos preços dos ovos faz maior produtor dos EUA lucrar 700%

    Cal-Maine Foods vendeu dúzia por US$ 3,30 no último trimestre, mais que dobro da média de US$ 1,61 do ano anterior

    Cal-Maine Foods controla cerca de 20% do mercado de ovos nos EUA
    Cal-Maine Foods controla cerca de 20% do mercado de ovos nos EUA Nik/Unsplash

    Chris Isidoroda CNN Nova York

    A Cal-Maine Foods, maior produtora de ovos dos Estados Unidos, informou que a receita dobrou e o lucro aumentou 718% no último trimestre por causa dos preços acentuadamente mais altos dos ovos.

    A empresa, que controla cerca de 20% desse mercado no país de acordo com a Reuters, disse que seu preço médio de venda para uma dúzia de ovos no trimestre encerrado em 25 de fevereiro foi de US$ 3,30, mais que o dobro da média de US$ 1,61 do ano anterior.

    Apesar dos preços mais altos, o número total de ovos vendidos aumentou 1%, de modo que sua receita geral aumentou 109%, para US$ 997,5 milhões.

    Essa duplicação da receita não foi nada comparada aos seus lucros, no entanto. O lucro líquido subiu para US$ 323,2 milhões, de apenas US$ 39,5 milhões no ano anterior.

    O salto na receita e no lucro era esperado, mas facilmente superou as previsões. As ações da Cal-Maine subiram 4% nas negociações de pré-mercado.

    Uma gripe aviária mortal e altamente infecciosa forçou os fazendeiros americanos a matar milhões de galinhas poedeiras, reduzindo a oferta de ovos do país e elevando os preços.

    Mas a Cal-Maine disse em sua declaração de ganhos que não houve testes positivos para a gripe aviária em nenhuma de suas instalações de produção próprias ou contratadas.

    As decisões de preços dos produtores de ovos foram criticadas por alguns políticos, que os acusam de especulação e manipulação de preços.

    “As famílias americanas que trabalham para colocar comida na mesa merecem saber se o aumento dos preços que estão pagando pelos ovos representa uma resposta legítima à oferta reduzida ou à ganância corporativa descontrolada”, disse uma carta enviada pela senadora Elizabeth Warren e pelo deputado Katie Porter para Cal-Maine e outros grandes produtores de ovos no mês passado.

    Cal-Maine não respondeu imediatamente nesta quarta-feira a um pedido de comentário sobre a carta.

    Os preços dos ovos começaram a recuar ligeiramente na leitura de inflação mais recente do governo para fevereiro, mas ainda estão acima de 55% em relação ao ano anterior.

    Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

    versão original