Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Goldman Sachs diminui projeção de crescimento da China em 2022 para 4%

    Projeção já considera suposição de que situação da Covid estará sob controle no futuro e mercado imobiliário melhorará

    Vista de Pequim
    Vista de Pequim 14/02/2022. REUTERS/Eloisa Lopez/File Photo

    da Reuters

    Os analistas da Goldman Sachs disseram nesta quarta-feira (18) que estavam reduzindo sua previsão de crescimento do PIB da China em 2022 para 4%, de 4,5%, como resultado dos danos à economia relacionados à Covid-19 no segundo trimestre deste ano.

    É mais provável que a economia da China não atinja seu objetivo do que o ultrapasse, acrescentaram eles.

    “Mesmo esta projeção de menor crescimento incorpora a suposição de que a Covid estará amplamente sob controle no futuro, que o mercado imobiliário melhorará a partir daqui, e que o governo forneça uma compensação substancial através de gastos com infraestrutura nos próximos meses”, escreveram eles.

    A atividade varejista e industrial da China caiu drasticamente em abril, uma vez que os lockdowns contra a Covid-19 confinaram trabalhadores e consumidores a suas casas afetaram gravemente as cadeias de fornecimento.