Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Produção e vendas de veículos avançam em junho no Brasil, mostram dados da Anfavea

    Foi o melhor junho desde 2019, com maior média diária do ano, de 10.715 veículos, segundo associação

    08/06/2023REUTERS/Carlos Barria

    Reuters

    A produção de veículos no Brasil somou 211 mil unidades em junho, um acréscimo de 26,6% ante maio e de 11,6% frente ao mesmo período ano passado, mostraram dados divulgados nesta quinta-feira (4) pela associação de montadoras, Anfavea.

    No primeiro semestre, o volume produzido de carros, comerciais leves, caminhões e ônibus totalizou 1,14 milhão de veículos, um aumento de 0,5% em relação ao primeiros seis meses de 2023.

    De acordo com a entidade, a “produção estagnada neste ano, mesmo com a alta de 14,6% do mercado interno, é reflexo do forte recuo das exportações e da elevação desenfreada das importações.”

    “Desde 2009 o Brasil não tinha um 1° semestre tão fraco, à exceção de 2020”, afirmou a Anfavea, citando que os números refletem uma combinação de queda de mercados e perda de participação para produtos asiáticos.

    As vendas somaram 214,3 mil unidades no mês passado, o que representa um crescimento de 10,3% na base mensal e de 13,1% ano a ano, acumulando no período de janeiro a junho 998,6 mil unidades, alta de 14,6% ante igual intervalo de 2023.

    De acordo com a Anfavea, foi o melhor junho desde 2019, com maior média diária do ano, de 10.715 unidades – um volume semelhante ao período pré-pandemia.

    As exportações avançaram 8,2% na base mensal, para 29 mil unidades, mas caíram 20,9% ano a ano, contabilizando no acumulado do ano um tombo de 28,3%, para 165,3 mil unidades. Para o ano, a Anfavea estima embarques de 407 mil unidades.

    As importações, por sua vez, subiram de 33 mil para 38 mil unidades entre maio e junho, com o resultado acumulado no ano somando 198 mil unidades, alta de 37,7% ano a ano. De acordo com a entidade, a China representou 78%, com alta de 449%.