Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Nubank reverte prejuízo de US$ 30 mi e registra lucro líquido de US$ 224,9 mi no 2º trimestre

    Lucro ajustado somou US$ 262,7 milhões, bem acima do resultado ajustado de US$ 17 milhões de um ano antes

    Estadão Conteúdo

    São Paulo

    O Nubank anunciou na noite desta terça-feira (15) lucro líquido de US$ 224,9 milhões no segundo trimestre de 2023, revertendo prejuízo de US$ 29,9 milhões no mesmo período do ano passado, considerando o resultado da holding, que inclui também as operações no México e Colômbia.

    O lucro ajustado somou US$ 262,7 milhões, bem acima do resultado ajustado de US$ 17 milhões de um ano antes. O retorno do banco digital (ROE, em inglês) foi de 19% no segundo trimestre.

    Só entre abril e junho, foram adicionados 4,6 milhões de clientes. Ao final de julho, ou seja, após o segundo trimestre, a fintech ultrapassou a marca de 85 milhões de clientes globalmente e 80 milhões no Brasil. Segundo Vélez, são 1,5 milhão de novos clientes a cada mês, em média.

    Com mais clientes e novos produtos, o Nubank registrou receitas de US$ 1,9 bilhão no segundo trimestre, um novo recorde histórico, o que representa um aumento de 60% em relação ao segundo trimestre de 2022, em base neutra de câmbio.

    A receita média mensal por cliente ativo (ARPAC, na sigla em inglês), indicador monitorado de perto em bancos digitais, atingiu US$ 9,30, superando pela primeira vez a marca de US$ 9,00 e também acima da previsão dos analistas. O crescimento foi de 18% em 12 meses.

    Em grupos mais maduros dentro do Nubank, o indicador já está em US$ 24 e nas safras dos clientes com três produtos está em US$ 35. Mas em grandes bancos supera US$ 40, o que evidencia o potencial de crescimento do ARPAC, ressalta o diretor financeiro do Nubank, Guilherme Lago.

    Ao mesmo tempo, o custo médio por cliente ficou estável novamente, em US$ 0,80. O índice de eficiência da fintech, que reflete a alavancagem operacional, atingiu 35,4%, um dos melhores números da América Latina. A margem bruta aumentou em 42%.

    Veja também: Ibovespa fecha em queda e dólar sobe com noticiário interno e externo