Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Poupança tem retirada líquida de R$ 3,3 bi em novembro, diz BC

    Número é o terceiro maior para o mês da série histórica iniciada em 1995; no ano, as retiradas líquidas da caderneta de poupança já somam R$ 101,5 bilhões

    Em 2023, apenas em junho houve mais entradas que saídas, quando o saldo ficou positivo em R$ 2,5 bilhões
    Em 2023, apenas em junho houve mais entradas que saídas, quando o saldo ficou positivo em R$ 2,5 bilhões José Cruz/Agência Brasil

    Cristiane Nobertoda CNN

    Brasília

    O Banco Central informou que o saldo líquido de retirada das contas poupança dos brasileiros chegou a R$ 3,3 bilhões em novembro, segundo o relatório de poupança publicado nesta sexta-feira (8).

    O número é o terceiro maior para o mês da série histórica iniciada em 1995.

    O maior número foi em 2021, ainda em ano de pandemia, quando as retiradas somaram R$ 12,3 bilhões.

    No ano, as retiradas líquidas da caderneta de poupança já somam R$ 101,5 bilhões.

    Em 2023, apenas em junho houve mais entradas que saídas, quando o saldo ficou positivo em R$ 2,5 bilhões.

    Segundo os dados da autoridade monetária, o saldo líquido para aqueles mês foi um resultado de R$ 326,5 bilhões em depósitos na poupança, enquanto o contingente de retiradas foi de R$ 329,8 bilhões.

    O saldo registrado em agosto é cerca de 72,8% menor que o registrado em outubro, quando os brasileiros retiraram R$ 12,157 bilhões a mais do que depositaram nas poupanças.