Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Vítimas do rompimento da barragem de Mariana são ouvidas em audiência pública

    Indenizações e danos ambientais estão entre os temas debatidos

    Caroline Louiseda CNN

    em Belo Horizonte

    Vítimas do rompimento da barragem de Fundão, em Mariana, no estado de Minas Gerais, participaram de uma audiência pública do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) nesta sexta-feira (10). Estão sendo discutidos temas como indenizações e danos ambientais.

    Esta é a primeira de três audiências. As duas próximas estão previstas para acontecer nos dias 6 de outubro e 1º de dezembro.

    Na sessão desta sexta, foram ouvidas pessoas atingidas diretamente pelo rompimento da barragem, que ocorreu em novembro de 2015, em Minas Gerais e no Espírito Santo. Também participaram especialistas nas áreas do meio ambiente e direitos humanos e autoridades da Justiça.

    O objetivo foi ampliar o conhecimento sobre os danos socioambientais e dar transparência às questões de reparação e do cumprimento dos termos assinados entre as mineradoras responsáveis.

    Além do CNJ, os trabalhos são conduzidos pelo Observatório Nacional sobre Questões Ambientais, Econômicas e Sociais de Alta Complexidade e Grande Impacto e Repercussão.