Atores de Grey’s Anatomy estrelam campanha de combate ao estigma da obesidade

Vídeo lançado nesta terça (21) pela associação sem fins lucrativos The Creative Coalition propõe paralelo com outras condições médicas para desestigmatizar obesidade

'Grey's Anatomy'
'Grey's Anatomy' Divulgação/ABC

Debora Sandercolaboração para a CNN

Ouvir notícia

Alguns atores que interpretam personagens médicos em séries populares dos Estados Unidos – como Grey’s Anatomy, The Good Doctor, Chicago Med e Station 19 – estão se posicionando para combater o estigma em torno da obesidade.

A Creative Coallition, uma entidade sem fins lucrativos composta por membros da indústria do entretenimento norte-americana, lançou nesta terça-feira (21) uma campanha com o objetivo de “mudar a narrativa sobre a epidemia de obesidade no país.”

Escrito por integrantes da equipe de produção de Grey’s Anatomy – Jacqueline Donabedian, Kiley Donovan e Jamie Denbo -, o vídeo propõe uma reflexão a partir de um paralelo com outras doenças, citando frases comumente dirigidas a pessoas obesas.

“Ouvi dizer que você tem epilepsia. Você já pensou em perder alguns quilos?”, pergunta Boris Kodjoe, ator da série Station 19. “Você tem psoríase?” indaga Steven Weber, enquanto sua colega de elenco do Chicago Med, S. Epatha Merkerson, completa: “Talvez você devesse caminhar na esteira.”

Nicholas Gonzalez (The Good Doctor) ressalta: “Você nunca diria essas coisas a um amigo que sofre de um problema de saúde.”

“A obesidade é uma doença, estamos todos juntos nisso”, afirmam os atores.

O vídeo fecha destacando que, apesar da alta incidência da doença no país – quatro em cada dez pessoas nos Estados Unidos têm obesidade – poucos procuram ajuda devido ao estigma associado.

Outra informação destacada pela campanha é a relação entre a obesidade e outras dezenas de problemas de saúde, incluindo quadros graves de Covid-19. Por fim, os atores estimulam o público a procurar ajuda caso sofram de tal condição.

Mais Recentes da CNN