Conheça a trajetória de Aleksandro, da dupla com Conrado, morto em acidente de ônibus

Sertanejo iniciou dupla no começo dos anos 2000, e tinha oito álbuns

Aleksandro (dir.) formou dupla com o cantor Conrado (esq.) em 2019
Aleksandro (dir.) formou dupla com o cantor Conrado (esq.) em 2019 Reprodução/Facebook

João Pedro Malarda CNN

em São Paulo

Ouvir notícia

O cantor Luiz Aleksandro Talhari Correia, mais conhecido como Aleksandro, morreu neste sábado (7) após um acidente envolvendo o ônibus em que estava com seu companheiro de dupla, Conrado.

Com 34 anos de idade, o sertanejo formou a dupla Conrado e Aleksandro em 2003, na época com outro cantor, e desde então havia lançado oito álbuns.

O primeiro parceiro de dupla de Aleksandro foi Conrado Bardi de Jesus Bueno, e a carreira dos dois começou na cidade de Dourados, no Mato Grosso do Sul. A dupla lançou seu primeiro CD em 2009, intitulado Anjo Querido.

De 2009 a 2019, Conrado e Aleksandro lançaram mais seis álbuns: Tour Ao Vivo (2010), Plano B (2012), Ao Vivo em Maringá (2013), Lobos (2014), Ao Vivo em Curitiba (2016) e Vivendo da Arte (2018).

Os dois se separaram em 2019, e Aleksandro formou uma nova dupla com o cantor João Vitor Soares, que passou a ser conhecido como Conrado. Juntos, os dois lançaram o álbum Ao Vivo em Londrina (2020).

O lançamento mais recente dos sertanejos foi a canção Efeito Borboleta, de abril deste ano, cujo clipe tem mais de 1,5 milhão de visualizações no YouTube. Em maio, Conrado e Aleksandro realizaram shows nos estados de São Paulo e Paraná. Na última sexta-feira (6), se apresentaram em Tijucas do Sul (PR), e neste sábado (7) fariam um show em São Pedro, no interior de São Paulo.

No YouTube, a dupla tem quase 600 mil inscritos e acumula 285.038.193 visualizações em seus vídeos. Um dos mais vistos é a apresentação de Tô Bebendo de Torneira, com a dupla Bruno e Barretto, com mais de 21 milhões de visualizações. Outro vídeo popular é Bão Com Força, parceria com os artistas Cuiabano Lima e DJ Kevin.

Na plataforma de músicas Spotify, Bão Com Força acumula mais de 6 milhões de acessos e é uma das músicas da dupla mais ouvidas, junto com Tô Bebendo de Torneira – Ao Vivo (7,3 milhões), Põe no 120 – Ao Vivo (5,9 milhões), Camionete Inteira (5,6 milhões) e Só Se For Gelada (3,4 milhões). Atualmente, a dupla tem cerca de 530 mil ouvintes mensais.

Mais Recentes da CNN