Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    #CNNPop

    DNA do Crime: conheça a 1ª série brasileira de ação policial da Netflix

    Primeira temporada está disponível no catálogo do streaming em oito episódios

    DNA do Crime
    DNA do Crime Divulgação/Netflix

    Bárbara Carvalhocolaboração para a CNN

    São Paulo

    A série “DNA do Crime” chegou ao catálogo da Netflix nesta terça-feira (14). Idealizada por Heitor Dhalia e Leonardo Levis, e baseada em eventos criminais reais, a narrativa acompanha um conjunto de agentes federais enquanto desvendam um monumental assalto na fronteira brasileira. Os protagonistas deste projeto são interpretados pelos atores Maeve Jinkings e Rômulo Braga.

    Primeira série policial brasileira na plataforma de streaming, a trama apresenta uma intensa dose de ação e efeitos especiais, explorando os patamares mais refinados do crime e da aplicação da lei no Brasil.

    De um lado, uma força policial altamente técnica que emprega a ciência forense para enfrentar investigações extremamente desafiadoras. Do outro, criminosos com métodos sofisticados para planejar assaltos, controlar cidades e conduzir operações que demandam anos de planejamento e investimentos na ordem de milhões de dólares.

    “A série mostra outro lado do crime no Brasil, um crime de fronteira que é muito pouco explorado em histórias audiovisuais de ficção. Usamos um assalto transnacional, que se passa no Paraguai, como nossa referência e inspiração para o início da série, que vai se desenrolando na disputa de duas forças antagônicas, altamente sofisticadas, em um tabuleiro sul-americano com desdobramentos em outros crimes organizados”, conta Heitor Dhalia, criador e diretor-geral da série, em um comunicado.

    DNA do Crime / Divulgaçã/Netflix

    História

    Com oito episódios, a produção brasileira se desenrola após um assalto de enormes proporções atingir a instalação de uma seguradora de valores em Ciudad del Este.

    Com os responsáveis pelo crime ainda em liberdade, os policiais federais da delegacia de Foz do Iguaçu iniciam uma investigação complexa, seguindo pistas que conectam criminosos de ambos os países não apenas nesse roubo, mas também em outros atos criminosos.

    Caso Real

    Em abril de 2017, ocorreu um crime em Ciudad del Este, cidade fronteiriça com Foz do Iguaçu e Puerto Iguazú, na Argentina. Um grupo composto por 50 indivíduos invadiu a sede de uma empresa de transporte de valores, detonou um cofre e subtraiu aproximadamente R$ 125 milhões.

    A abertura do cofre foi realizada pelo grupo utilizando explosivos e fuzis antiaéreos, sendo os perpetradores afiliados ao Primeiro Comando da Capital (PCC). O assalto estendeu-se por mais de três horas, sendo parte da ação registrada em vídeos amadores.

    Elenco

    Com Maeve Jinkings (O Som ao Redor) como a protagonista Suellen e Rômulo Braga (O Rio do Desejo) no papel de Benício, o elenco de DNA do Crime também apresenta renomados talentos do cinema nacional, incluindo Thomás Aquino (Os Outros) como Sem Alma e Guilherme Faria (Irmandade) interpretando Toreto. Além disso, integram o elenco Miguel Nader (Impuros) e Pedro Caetano (O Diabo Mora Aqui).

    Assista ao trailer:

    Onde assistir “DNA do Crime”?

    Todos os 8 episódios da primeira temporada da série “DNA do Crime” estão disponíveis na Netflix a partir desta terça-feira (14).