Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    #CNNPop

    Dominic Fike revela gravações de “Euphoria” sob efeito de drogas: “Muito ruim”

    O ator, que vive Elliot na série, também falou sobre como o uso de drogas quase lhe custou o papel na 2ª temporada

    Em "Euphoria", Dominic vive um usuário de drogas
    Em "Euphoria", Dominic vive um usuário de drogas Reprodução/Dominic Fike/Instagram

    Caroline Ferreiracolaboração para a CNN

    São Paulo

    Aos 27 anos, o ator e músico Dominic Fike, de “Euphoria”, comentou recentemente sobre como o uso de drogas quase lhe custou o papel na 2ª temporada da aclamada produção de HBO.

    Na trama, ele vive Elliot, um usuário de drogas que perpetua a recaída de Rue, papel de Zendaya, e vive um triângulo amoroso com ela e Jules, interpretada por Hunter Schafer.

    “Eu era um viciado em drogas e ‘ir a um show’ que é, você sabe, principalmente sobre drogas, é muito difícil”, disse o artista a Zane Lowe, da Apple Music, conforme publicação da revista “People”.

    Fike também disse que, mesmo com Sam Levinson, diretor e escritor, arrumando um treinador sóbrio para estar ao seu lado o tempo todo, a ajuda não funcionou. “Eu estava muito alterado”.

    Questionado se já havia gravado sob a influência de drogas, Fike confirmou. “Fui repreendido por isso. Quase, você sabe, fui expulso do show […] Eles disseram: ‘Mano, você não pode estar fazendo isso'”, acrescentou ele.

    Dominic disse que Levinson acabou usando algumas tomadas nas quais ele estava realmente “chapado” e que, mesmo assim, era uma “ótima cena”.

    Cogumelos

    Em 2022, Dominic também relembrou à revista “GQ”, a experiência nada positiva durante as audições para a série.

    Após ser aprovado em diversas etapas, ele foi convidado a fazer um teste de química ao lado de Barbie Ferreira, que interpretou Kat nas duas primeiras temporadas.

    Mergulhando de cabeça no personagem, Fike decidiu fazer o uso de cogumelos.

    “O negócio bateu bem quando eu e Barbie estávamos lendo o texto”, disse antes de comentar os efeitos inesperados. Ele diz que não conseguiu ler o roteiro porque as letras ficaram ‘dançando’ na página e, ao olhar para Levinson, o imaginou usando um vestido.

    “Eu olhei para ele e falei: ‘Você está usando um vestido agora?’ Foi uma loucura. Comecei a tirar sarro de todo mundo naquela sala”.

    “Eu estava passando por muitas coisas na época, bastante viciado em várias drogas. Tentar fazer um álbum no meio de tudo aquilo, de tanta pressão, das drogas, da loucura da minha família e de eu estar bem louco, era impossível”, resumiu.