Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    #CNNPop

    Taylor Swift faz Taylor Lautner rezar por John Mayer em vídeo do TikTok; entenda

    Ator, que é ex-namorado da cantora, fez um TikTok ao som de "Dear John", canção que será relançada por ela

    Reprodução

    Isabela Gadelhada CNN

    Taylor Swift lançará em 7 de julho a regravação do álbum Speak Now (Taylor’s Version), seu terceiro álbum de estúdio, que foi originalmente divulgado em 2010.

    Desde que perdeu os direitos de suas masters após deixar a gravadora Big Machine Records a artista tem revisitado todos os trabalhos antigos.

    Mas ela foi além da regravação. Ao relançar “Fearless” e “Red”, Swift incluiu músicas inéditas que ficaram de fora dos álbuns originais. São as chamadas de “From The Vault” (“Do cofre”, em português).

    Ao reviver essas canções, os fãs acabam lembrando também dos relacionamentos anteriores da musa pop, que inspiraram as letras de cada projeto. Ela nunca admite sobre quem é cada composição, mas sempre há dicas que “denunciam” a identidade da “inspiração”.

    Dependendo da situação descrita, o fandom também acaba tomando as dores da artista.

    É por esse motivo que Taylor Lautner, ex-namorado de Swift, publicou um TikTok rezando com a legenda #RezePeloJohn ao som de “Dear John”, canção que fãs relacionam ao cantor John Mayer.

    No entanto, ele não parece preocupado, mesmo tendo uma música que faz referência a ele, “Back To December”.

    @taysqueezeslemons

    #prayforjohn

    ♬ Dear John – Taylor Swift

    Quer saber o motivo? Entenda:

    Era Fearless

    Joe Jonas, por exemplo, inspirou canções do álbum “Fearless”. Os dois namoraram quando adolescentes e, aos 18 anos, a cantora contou no programa da Ellen Degeneres que ele terminou com ela em uma ligação de 25 segundos.

    O tempo passou e hoje Joe é casado com Sophie Turner, que é grande fã de Taylor Swift. Em certa ocasião, ela até publicou um story no Instagram ouvindo a canção “Mr. Perfectly Fine”, que fãs acreditam ser sobre Joe Jonas.

    Em entrevista ao Buzzfeed em junho de 2021, Jonas disse que o que Swiftie está fazendo ao regravar os álbus é muito inteligente.

    Além disso, em shows recentes da banda Jonas Brothers, o cantor mudou a letra de “Much Better”, que possui uma alfinetada que os fãs acreditam ser para a artista, já que há uma referência à música “Teardrops on my guitar” (“Lágrimas no meu violão”), single de seu primeiro álbum.

    Na letra original, ele canta: “Tenho a reputação de partir corações. Cansei de superestrelas e todas as lágrimas em seu violão”. Agora, ele tem cantado “Tenho a reputação de partir corações. Agora estou bem com superestrelas e todas as lágrimas em seu violão”.

    Era Red

    O bastão dos ex-namorados em evidência foi passado para Jake Gyllenhaal com o relançamento do álbum “Red”, em novembro de 2021. Os fãs juram que várias músicas são sobre o relacionamento dos dois, e uma muito amada pelo fandom é “All Too Well”.

    A canção ganhou uma versão de 10 minutos e um curta-metragem dirigido pela própria Taylor Swift, estrelado por Sadie Sink (Stranger Things) e Dylan O’Brien (Maze Runner), que evidenciam o relacionamento difícil.

    A música “do cofre” chamada “I Bet You Think About Me” também costuma ser associada ao ator e possui até um videoclipe dirigido pela atriz Blake Lively, uma das melhores amigas da cantora.

    Em uma entrevista à Esquire Magazine de fevereiro de 2022, o ator de “Brokeback Mountain” afirmou que a canção e o curta não têm nada a ver com ele.

    “É sobre o relacionamento dela com seus fãs. É a expressão dela. Artistas exploram experiências pessoais em busca de inspiração, e eu não guardo ressentimentos em relação a isso”, disse.

    Era Speak Now

    O Jacob, de “Crepúsculo”, está tranquilo com a era “Speak Now”, já que inspirou “Back To December”, cuja letra é um pedido de desculpas.

    “Aqui estou, engolindo meu orgulho, parada diante de você, pedindo desculpas por aquela noite”, canta a artista. “Se nos amássemos novamente, eu juro que te amaria corretamente. Voltaria no tempo e mudaria tudo, mas não posso”.

    Joe Jonas novamente terá músicas sobre ele sendo regravadas. É o caso de “Last Kiss”, uma balada melancólica sobre como ela nunca imaginou que um dia o relacionamento iria acabar.

    A situação não é a melhor para John Mayer. “Dear John” fala de um relacionamento com uma grande diferença de idade, onde o namorado muda constantemente a forma como trata a garota.

    “E eu vivia no seu jogo de xadrez, mas você mudava as regras todos os dias. Eu ficava imaginando com qual versão de você eu falaria ao telefone à noite”, canta Taylor Swift.

    Será que, além da lembrança, Mayer ganhará músicas “do cofre”? Se junte à campanha de Taylor Lauter e #PrayForJohn.