Clubes brasileiros se reapresentam para 2022; confira as principais mudanças

Parte dos principais clubes do país se apresentou nesta segunda-feira (10)

Jogadores do Palmeiras levantam troféu da Copa Libertadores em Montevidéu
Jogadores do Palmeiras levantam troféu da Copa Libertadores em Montevidéu 27/11/2021 REUTERS/Agustin Marcarian

Raphael Coraccinida CNN

Em São Paulo

Ouvir notícia

Nesta segunda-feira (10), os elencos de Flamengo, Corinthians, São Paulo, Fluminense, Grêmio e Inter se reapresentaram para a temporada de 2022. Na semana passada, Palmeiras, Vasco, Botafogo e Cruzeiro já haviam se apresentado.

No domingo (9), foi a vez do Santos. O Atlético-MG ainda marcou a representação apenas para o dia 17 de janeiro.

Entre as novidades dos clubes para 2022, um dos que mais têm apresentado movimentações nos bastidores é o Palmeiras. O campeão da Libertadores liberou o volante Felipe Mello, o atacante Willian Bigode e o goleiro Jailson, figuras que foram importantes durante os anos de glória.

O alviverde trouxe para seu elenco o meia colombiano Eduard Atuesta, que estava no Los Angeles FC, o centroavante Rafael Navarro, que foi destaque em 2021 pelo Botafogo, e o veterano goleiro Marcelo Lomba, que jogou a última temporada pelo Internacional.

O Atlético Mineiro, campeão do Brasileirão e da Copa do Brasil, já anunciou a contratação do meia-atacante Ademir, que defendeu o rival América na última temporada e marcou 13 gols no Brasileirão.

No ataque, o Galo liberou o centroavante Diego Costa, que ainda está sem clube, e trouxe para seu lugar Fábio Gomes, ex-jogador do NY Red Bulls dos Estados Unidos.

Em 2022, o Atlético Mineiro não contará também com o técnico Cuca, que pediu dispensa alegando problemas familiares. O novo técnico ainda não foi definido.

Palmeiras e Atlético garantiram vagas na Libertadores deste ano por causa dos títulos.

O Flamengo, que também jogará o torneio, deve contar com poucas mudanças para o começo de 2022. A principal delas até agora é a chegada do técnico português Paulo Sousa, que liderava a seleção polonesa.

O rival Fluminense, que disputará a competição continental neste ano, é o time que mais tem se movimentado para a temporada que se inicia.

O tricolor carioca trouxe dois campeões recentes do torneio: Felipe Mello e Willian Bigode, além do meia Nathan, que estava no Atlético Mineiro, e o atacante argentino Gérman Cano, que teve destaque no Vasco.

A equipe será liderada por Abel Braga.

O Corinthians, outro a disputar a competição em 2022, anunciou ainda no fim do ano passado o retorno do volante Paulinho, que foi campeão do mundo pelo clube em 2012 e estava no Al-Ahli da Arábia Saudita.

O Athletico, campeão da última edição da Sul-Americana e credenciado para a Libertadores de 2022, renovou o empréstimo do meia Jean Pyerre, que pertence ao Grêmio.

Fora do torneio continental, São Paulo e Inter estão se movimentando.

A equipe do São Paulo terá dois reforços importantes para 2022: o meia Patrick, que estava no Internacional, e o atacante Nikão, um dos principais nomes do Athletico-PR nas campanhas vitoriosas dos últimos anos.

Em Porto Alegre, o Internacional já anunciou seu comandante para este ano: técnico uruguaio Alexander Medina, que estava no Talleres, da Argentina. O time gaúcho apresentou também seu novo camisa 9, o centroavante Wesley Moraes, brasileiro que foi emprestado pelo Aston Villa da Inglaterra.

O Santos, que também ficou de fora da Libertadores, e o Botafogo, que voltou à Série A, não apresentaram reforços de destaque por enquanto.

Segunda divisão

A Série B do Campeonato Brasileiro deste ano contará com um trio de peso, assim como em 2021. Cruzeiro e Vasco perderam a companhia do Botafogo, que subiu, e terão agora a concorrência do Grêmio.

O Cruzeiro, que foi adquirido pelo ex-jogador Ronaldo Fenômeno, dispensou o goleiro Fábio, que chegou perto de atingir mil jogos pela Raposa. Ele vai embora do clube após término de contrato tendo entrado em campo 976 vezes com a camisa do Cruzeiro.

O técnico Vanderlei Luxemburgo também foi dispensado e não comandará o clube em 2022. A tarefa ficará a cargo de Paulo Pezzolano, treinador uruguaio de 38 anos. Ele fez seu trabalho mais recente como treinador do Pachuca, do México.

No Grêmio, o meia argentino Benítez, que jogou a última temporada pelo São Paulo, foi apresentado. O São Paulo também cedeu ao tricolor gaúcho o lateral-direito Orejuela e o zagueiro Bruno Alves.

O latera-direito Vanderson, um dos poucos destaques do Grêmio em 2021, foi vendido ao Monaco, da França.

O Vasco, que será comandado por Zé Ricardo em 2022, que voltou do Catar, vai ter no comando do ataque em 2022 Raniel, que chega emprestado pelo Santos.

Mais Recentes da CNN