Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    F1: Alpine anuncia Oscar Piastri para substituir Alonso em 2023; piloto nega contratação

    Segundo o australiano, a divulgação ocorreu sem o seu aval; ele enfatizou que não assinou com a equipe francesa

    Oscar Piastri é piloto reserva da Alpine na temporada de 2022
    Oscar Piastri é piloto reserva da Alpine na temporada de 2022 Reprodução/Twitter/F1

    Júlia Vieirada CNN

    em São Paulo

    Ouvir notícia

    A equipe de Fórmula 1 Alpine confirmou nesta terça-feira (2) que piloto australiano Oscar Piastri irá substituir o bicampeão Fernando Alonso na temporada de 2022.  A contratação, no entanto, foi negada pelo próprio atleta.

    “Depois de quatro anos como parte da família Renault e Alpine, o piloto reserva Oscar Piastri é promovido a uma vaga titular ao lado de Esteban Ocon a partir de 2023”, anunciou a Alpine nas redes sociais. 

    A notícia foi celebrada pelos fãs da categoria, que defendiam a entrada de Piastri, que foi campeão da Fórmula 2 em 2021 e aguardava um assento na F1 para chamar de seu.

    Piastri assumiria o lugar de Alonso, que migrou para a vaga deixada por Sebastian Vettel na Aston Martin.

    Horas depois, o australiano veio a público desmentir a informação.

    “Eu entendo que, sem o meu consentimento, a Alpine F1 divulgou um comunicado à imprensa no final da tarde de que pilotarei para eles no próximo ano. Isso está errado e não assinei contrato com a Alpine para 2023. Não vou pilotar pela Alpine no próximo ano”, enfatizou.

    Dessa forma, a Alpine permanece sem um segundo piloto para 2023.

    Além da equipe francesa, a AlphaTauri e Haas tem uma vaga em aberto. A Williams, por sua vez, não confirmou a dupla de piloros para a próxima temporada.

    Confira o grid para 2023:

     

     

    Mais Recentes da CNN