Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Apenas “VIPs” poderão consumir bebidas alcoólicas nos Jogos de Paris em 2024

    Lei francesa proíbe a venda de álcool ao torcedor comum nos estádios do país

    Bebidas alcoólicas não poderão ser vendidas nos estádios de Paris nos Jogos
    Bebidas alcoólicas não poderão ser vendidas nos estádios de Paris nos Jogos Dylan Martinez/Reuters

    da Reuters

    Apenas espectadores “VIPs” poderão ingerir bebida alcoólica enquanto assistem às Olimpíadas de Paris, em 2024, mas o torcedor comum terá que se contentar com refrigerantes e água depois que os organizadores decidiram não buscar isenção a uma lei local que proíbe a venda de álcool em estádios.

    Sob a Lei de Evin, que está em vigor desde 1991, a venda de bebidas alcoólicas ao público em geral é proibida dentro dos recintos esportivos na França, e os organizadores dos Jogos não tentaram uma liberação para o evento.

    A lei permite a isenção de dez eventos por organizador a cada ano em um mesmo município.

    “Paris-2024 organizará mais de 700 sessões de competição em 15 dias”, disse o porta-voz dos Jogos à Reuters.

    Tal isenção exigiria uma mudança na lei para um evento do tamanho das Olimpíadas.

    O álcool também havia sido banido dos estádios nos Jogos Olímpicos em Tóquio, mas os eventos acabaram sendo realizados sem espectadores estrangeiros devido à pandemia. Cerveja e vinho estiveram disponíveis nos Jogos de 2012 e 2016, em Londres e no Rio de Janeiro, respectivamente.

    Para os fãs que viajam à França para a Copa do Mundo de Rugby deste ano, uma boa notícia: os organizadores negociaram uma isenção para o torneio, que será realizado em setembro e outubro.