Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Fórmula 1: Norris faz a pole e vai largar em primeiro no GP da Espanha

    Piloto britânico ficou à frente do atual líder da temporada, o holandês Max Verstappen

    Lando Norris vai largar na pole em Barcelona
    Lando Norris vai largar na pole em Barcelona Bob Kupbens/Icon Sportswire via Getty Images

    Itatiaia Esporte

    O piloto britânico Lando Norris (McLaren) vai largar na pole position do Grande Prêmio da Espanha de Fórmula 1, depois de marcar o melhor tempo no treino de classificação disputado neste sábado (22), no Circuito da Catalunha, em Barcelona.

    Norris ficou à frente do atual líder do Mundial, o holandês Max Verstappen (Red Bull), em segundo, e dos pilotos da Mercedes Lewis Hamilton e George Russel, terceiro e quarto respectivamente.

    A terceira fila será da Ferrari, com o monegasco Charles Leclerc em quinto e o espanhol Carlos Sainz em sexto.

    “Foi uma volta praticamente perfeita”, declarou Norris, que fez a segunda pole da carreira, depois de conseguir no GP da Rússia em 2021.

    “Não foram muitas, mas esta é a mais bonita”, comemorou.

    Atualmente em terceiro lugar no campeonato mundial, atrás do líder Verstappen e de Leclerc, o britânico da McLaren, de 24 anos, tentará no domingo conquistar a segunda vitória de sua carreira, depois de vencer o GP de Miami no início de maio.

    “Esse é o objetivo. Será difícil contra Max [Verstappen] e Lewis [Hamilton], que vão largar logo atrás. Mas esse é o plano”.

    Verstappen, por sua vez, ficou a apenas 20 milésimos de Norris no Q3.

    “Foi difícil encontrar o equilíbrio certo para o carro no início do fim de semana. Ainda podemos ficar muito felizes com este desempenho, isso nos dá boas armas para a corrida de amanhã”, avaliou o holandês.

    Quanto a Hamilton, heptacampeão mundial e que trocará a Mercedes pela Ferrari no ano que vem, a terceira posição é um retorno à parte de cima do grid depois de um início de temporada difícil, com a modesta oitava colocação no campeonato de pilotos.

    “Estou muito feliz. É ótimo estar entre os três primeiros porque tem sido um ano difícil até agora, mas todos estão fazendo um trabalho incrível e aos poucos estamos colocando esse carro de volta na frente. Com George (Russell), podemos pressionar os dois carros à nossa frente”, declarou o britânico.

    *Com agências

    Acompanhe a CNN Esportes em todas as plataformas

    Este conteúdo foi criado originalmente em Itatiaia.

    versão original